Palmas, 26/06/2017

Economia

Agrotins 2017

Agentes financeiros participam com linhas de créditos especiais para produtores na Agrotins 2017

  • A Agrotins tem o principal objetivo de transferir tecnologia, mas o empresariado v√™ tamb√©m como uma grande oportunidade de realizar neg√≥cios

Arquivo Seagro

Agentes financeiros participam com linhas de créditos especiais para produtores na Agrotins 2017



Eliane Tenório - Governo do Tocantins

Diversas institui√ß√Ķes financeiras confirmaram a participa√ß√£o na Feira de Tecnologia Agropecu√°ria (Agrotins 2017). Durante os cincos dias o produtor rural vai encontrar nos estandes das institui√ß√Ķes financeiras, linhas de cr√©dito rural para financiar suas atividades agropecu√°rias de custeio, investimento e comercializa√ß√£o, al√©m das linhas tradicionais, prote√ß√£o de produ√ß√£o e de pre√ßos, que visam garantir a amortiza√ß√£o de custeios agr√≠colas no caso de ocorr√™ncia de sinistro na lavoura. A Feira ser√° realizada de 9 e 13 de maio, no Centro Agrotecnol√≥gico de Palmas, sa√≠da para Porto Nacional.

A Agrotins tem o principal objetivo de transferir tecnologia, mas o empresariado vê também como uma grande oportunidade de realizar negócios, enquanto estão mostrando suas tecnologias, com a comercialização de máquinas, equipamentos, animais, insumos, serviços e tudo que envolve a agricultura.

Agentes financeiros como o Banco do Brasil, Bradesco, Banco da Amaz√īnia, Siscoob, ag√™ncias de fomento do Governo do Estado, bancos de cooperativismo e outros, estar√£o na Agrotins 2017 desenvolvendo o trabalho de fomento, oportunizando neg√≥cios, aquisi√ß√£o de bens e servi√ßos.

De acordo com o engenheiro agr√īnomo da Seagro e membro da comiss√£o organizadora da Agrotins, Fernando Garcia. "A participa√ß√£o das institui√ß√Ķes financeiras √© fundamental para fomentar neg√≥cios na Feira. Os agentes financeiros v√£o levar todo o portf√≥lio das institui√ß√Ķes, como pol√≠ticas do banco linhas de cr√©dito especiais, incentivando comercializa√ß√£o de diversos produtos e servi√ßos durante a Agrotins".

Para o secret√°rio de Desenvolvimento da Agricultura e Pecu√°ria, Clemente Barros, a atua√ß√£o das institui√ß√Ķes financeiras √© fundamental para a movimenta√ß√£o e sucesso da Agrotins. "S√£o linhas de cr√©dito com taxas e juros diferenciados. Durante o evento o p√ļblico poder√° conhecer todo o portf√≥lio das institui√ß√Ķes, com pol√≠ticas do banco, linhas de cr√©dito especiais, entre outras informa√ß√Ķes, incentivando a comercializa√ß√£o de diversos produtos e servi√ßos durante a feira", destacou.

Banco do Brasil

O foco do Banco do Brasil, na Agrotins 2017 será a linha de InvesteAgro, que é uma linha de investimento simplificada com recursos próprios e taxas competitivas de acordo com a Assessoria de Comunicação do Banco do Brasil. Informou ainda, que a instituição está atuando também com o convênio da "esteira agro" com diversos fabricantes e expositores, que farão os financiamentos na Agrotins 2017".

O acolhimento das propostas ser√° realizado nas demais linhas de cr√©dito com financiamento de m√°quinas, equipamentos, implementos, caminh√Ķes e utilit√°rios. "A expectativa √© de aprovar as propostas de financiamento em tempo recorde", afirma.

Outra novidade do Banco do Brasil é o lançamento do custeio agrícola digital - realizado diretamente no celular do produtor rural, que é uma nova tecnologia para facilitar a vida do produtor rural.

Bradesco

De acordo com a Assessoria de Comunica√ß√£o do Bradesco, a institui√ß√£o disponibilizar√°, na Agrotins 2017, diversas linhas de cr√©ditos para a compra de m√°quinas e equipamentos agr√≠colas, caminh√Ķes, reforma e constru√ß√£o de armaz√©ns agr√≠colas, equipamentos da irriga√ß√£o. Financiar tamb√©m equipamentos para beneficiar, industrializar, acondicionar e armazenar produtos, nas variadas atividades agropecu√°rias, e outros. Os juros dos financiamentos custam em m√©dia, 8,5% a 9,5%, ao ano, e os prazos de pagamento variam de 12 a 120 meses, dependendo da linha de cr√©dito.

Agrotins

A feira √© promovida pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e da Pecu√°ria (Seagro) e suas vinculadas, o Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), Instituto de Terras do Tocantins (Itertins) e Ag√™ncia de Defesa Agropecu√°ria do Tocantins (Adapec), Secretaria de Desenvolvimento Econ√īmico, Ci√™ncia, Tecnologia, Turismo e Cultura (Seden) e demais institui√ß√Ķes p√ļblicas e privadas ligadas ao setor produtivo agropecu√°rio.


Confira também


Coment√°rios

comments powered by Disqus