Palmas, 12/12/2017

Especial

Festival de Arte

Emoção e talento marcam encerramento do Festival de Artes das Escolas de Palmas

  • Sucesso de público, a 9ª edição do projeto foi encerrada nessa segunda-feira, 4

Marcio Vieira

Emoção e talento marcam encerramento do Festival de Artes das Escolas de Palmas



 Depois de quatro dias de apresentações artísticas que emocionaram o público, as crianças da rede municipal de ensino de Palmas deram um show de arte e cultura e mostraram, mais uma vez, seus talentos no Festival de Artes das Escolas de Palmas (Faes), na ETI Almirante Tamandaré. Foram mais de 200 apresentações de artes executadas pelos alunos das redes municipal, estadual, particular e membros das comunidades escolares. Sucesso de público, a 9ª edição do projeto foi encerrada nessa segunda-feira, 4.

O Secretário Municipal da Educação, Danilo Melo, lembrou as edições do Faes, ao longo de seus nove anos de execução, classificando-o como vitrine para apresentação de talentos e ferramenta para formação cultural das crianças. "O projeto desenvolve as habilidades básicas que fazem com que essas crianças, ao chegarem à idade adulta, tenham desempenho adiantado", avalia.

O Festival de Artes das Escolas de Palmas (Faes) é realizado pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), e este ano teve como tema: "Sustentabilidade, Cidadania e Solidariedade". Cerca de 1600 estudantes de 60 escolas da Capital participaram desta edição.

Frutos do Festival

Sarah Carvalho, 20, anos já foi aluna da rede municipal de ensino de Palmas e, participou pela primeira vez do Festival de Artes das Escolas em 2010 na categoria Banda, mas foi em 2012 que ela ficou em 1º lugar na categoria Solo.

Hoje, a ex-aluna é monitora de música na ETI Eurídice Ferreira de Mello, no Aureny III, e se emocionou com apresentação de seus alunos nesta 9ª edição do festival. "Eu me emociono junto com eles, porque eu vejo o esforço deles e me traz lembranças do passado, no meu tempo de competição no Faes. Muitos têm histórias tristes, e nós ensinamos que, no meio de tanta dor, existe esperança", relata.

Em seu segundo ano participando no Faes, como parte da equipe técnica de monitores, Sarah Carvalho conquistou com seu grupo de alunos o 2º lugar na categoria Canto Coral, com o tema Solidariedade. "O rostinho de cada um deles ao ganhar o segundo lugar me emocionou. Eles merecem muito mais e certamente vão chegar lá", conta.

Sarah acredita nas atividades artísticas desenvolvidas na escola como elemento essencial para formação de cidadania e empoderamento das crianças. "Esse é o diferencial de uma escola, é preciso investir nas habilidades", defende.


Confira a classificação das unidades escolares


Artes Visuais Juvenil

Colagem: Escola Municipal Darcy Ribeiro

Escultura: ETI Sueli Reche

Pintura: 1º lugar ETI Caroline Campelo e 2º lugar Escola Municipal Crispim Pereira Alencar

Fotografia: 1º lugar Escola Municipal Thiago Barbosa; 2º lugar Escola Municipal Antônio Gonçalves; 3º lugar ETI Luiz Nunes

Desenho: 1º lugar Escola Municipal Sávia Fernandes Jácome; 2º lugar Escola Municipal Rosemir Fernandes

 
Artes Visuais Infantil

Colagem: 1º lugar Colégio Ulbra de Palmas

Escultura: 1º lugar Cmei Pequenos Brilhantes

Fotografia: ETI Luiz Nunes

Desenho: 1º lugar ETI Olga Benário; 2º lugar ETI Cora Coralina; 3º lugar Escola Municipal Benedita Galvão

 
Música

Câmara: ETI Monsenhor Pedro Pereira Piagem

Instrumental: Escola Municipal Aurélio Buarque de Holanda

Percussão com Material Reciclado: 1º lugar Escola Estadual Girassol de Tempo Integral (Caic); 2º lugar Colégio Ulbra Palmas

 
Canto Coral

1º lugar ETI Padre Josimo Tavares; 2º lugar ETI Eurídice Ferreira de Melo; 3º lugar Escola Municipal Antônio Gonçalves

 
Solo

1º lugar Escola Municipal Beatriz Rodrigues; 2º lugar Escola Municipal Monteiro Lobato; 3º lugar Escola Municipal Sávia Fernandes Jácome

 
Banda Vocal

1º lugar ETI Caroline Campelo; 2º lugar Escola Municipal Darcy Ribeiro; 3º lugar ETI Margarida Lemos (Cemil)


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus