Palmas, 24/11/2017

Estado

Capacitação

Polícia Civil promove etapa de capacitação para Policiais Civis de Palmas

  • Em Palmas, est√£o sendo capacitados aproximadamente 160 policiais civis entre Delegados de Pol√≠cia, Agentes de Pol√≠cia, Escriv√£es de Pol√≠cia, Papiloscopistas, Peritos Oficiais elem de Agentes de Necrotomia , os quais foram divididos em 05 turmas

Dennis Tavares

Polícia Civil promove etapa de capacitação para Policiais Civis de Palmas



Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins
 
Desde a √ļltima segunda-feira, 20, a Pol√≠cia Civil do Tocantins, por interm√©dio da Academia da Pol√≠cia Civil (Acadepol) est√° realizando a etapa de Palmas do projeto: "Academia Itinerante: a forma√ß√£o continuada como instrumento de constru√ß√£o de uma Pol√≠cia Civil Cidad√£".
 
O projeto Academia Itinerante busca a extens√£o do ensino e de a√ß√Ķes de sa√ļde voltadas aos policiais civis de todo o Estado, com a finalidade de promover o aperfei√ßoamento intelectual e operacional dos servidores, al√©m de reduzir o grau de exposi√ß√£o aos fatores de risco de adoecimento no trabalho. Com isso, os policiais ter√£o uma atua√ß√£o mais eficiente e eficaz em prol da sociedade tocantinense.
 
Durante as instru√ß√Ķes, os policiais civis est√£o sendo capacitados nas disciplinas de: Qualidade de Vida e Sa√ļde, Rela√ß√Ķes Interpessoais e Qualidade no Atendimento ao P√ļblico, Opera√ß√Ķes Policiais (armamento e tiro, cumprimento de mandados de alto risco, uso progressivo da for√ßa e t√©cnicas de abordagem policial), Procedimentos de Pol√≠cia Judici√°ria, Investiga√ß√£o Criminal e Intelig√™ncia Policial. 
 
Em Palmas, estão sendo capacitados aproximadamente 160 policiais civis entre Delegados de Polícia, Agentes de Polícia, Escrivães de Polícia, Papiloscopistas, Peritos Oficiais elem de Agentes de Necrotomia , os quais foram divididos em 05 turmas. O curso tem previsão de encerramento no próximo dia 2 de dezembro. Além do treinamento, também estão sendo disponibilizados atendimentos psicossociais aos policiais e seus familiares.
 
De acordo com o Delegado Marcelo Falc√£o, Diretor da Acadepol, a Academia Itinerante busca atualizar os policiais civis de acordo com a moderna concep√ß√£o de Pol√≠cia Civil adotada nos Cursos de Forma√ß√£o Profissional ministrado pela Academia durante o ano de 2016, al√©m de melhorar a qualidade de vida dos servidores nos √Ęmbitos familiar, social e profissional.
 
Dessa maneira, espera-se que os servidores possam retribuir à sociedade com a prestação de um serviço com ainda mais excelência.
 
Ainda segundo o Delegado Falcão, durante todo ano de 2107, a Academia Itinerante levou sua equipe multiprofissional às 13 Delegacias Regionais da Polícia Civil, que compreendem as cidades de Arraias, Dianópolis, Gurupi, Guaraí, Pedro Afonso, Colinas, Araguatins, Tocantinópolis, Araguaína, Porto Nacional, Alvorada, Miracema e Paraíso do Tocantins, bem como a todos os municípios que integram as referidas regionais.
 
A Academia da Pol√≠cia Civil Itinerante percorreu o Estado a bordo de  tr√™s √īnibus, sendo um deles adaptado para sala de aula, outro para transporte de alunos e um terceiro para consult√≥rio de atendimento psicossocial, al√©m dos equipamentos tecnol√≥gicos necess√°rios √†s instru√ß√Ķes. 
 
Em menos de dois anos, a Acadepol treinou mais de 1200 alunos, ministrou mais de 9000 horas/aula e percorreu todas as Regionais do Estado.


Confira também


Coment√°rios

comments powered by Disqus