.

Palmas, 29/03/2017

Estado

Agricultura Familiar

Agricultura familiar do Tocantins produz anualmente 50 mil toneladas de mandioca

  • A mandioca foi eleita pela Organiza√ß√£o das Na√ß√Ķes Unidas o alimento do s√©culo 21

Arquivo Seagro

Agricultura familiar do Tocantins produz anualmente 50 mil toneladas de mandioca



Eliane Tenório - Governo do Tocantins
 
A mandioca foi eleita pela Organiza√ß√£o das Na√ß√Ķes Unidas o alimento do s√©culo 21. Barata, resistente, nutritiva e cheia de carboidratos especiais, essa raiz √© cultivada de norte a sul no Brasil. A produ√ß√£o desse importante alimento vem crescendo no Tocantins, chegando em 2017, com cerca de tr√™s mil hectares de √°rea plantada, produ√ß√£o anual de aproximadamente 50 mil (49.730) toneladas e produtividade m√©dia de mais de 17 quilos por hectare, de acordo com dados do IBGE 2016.
 
Os principais municípios produtores são: Porto Nacional, Santa Rita do Tocantins, Ponte Alta do Tocantins, Monte do Carmo, Pindorama, Fátima, Santa Tereza do Tocantins, Santa Rosa, Brejinho de Nazaré e Novo Acordo.
 
Com um plantio de cerca um hectare, no projeto S√£o Jo√£o, munic√≠pio de Porto Nacional, o agricultor familiar Jos√© Martins mostra que √© poss√≠vel produzir mais e com qualidade. Ele espera colher uma m√©dia entre 18 a 20 toneladas por hectare. E afirma que: "Para obter uma boa produtividade nas culturas √© preciso ter cuidado com o manejo, desde a irriga√ß√£o, aduba√ß√£o e qualidade das manivas". A comercializa√ß√£o tamb√©m est√°  garantida, o produtor vende a maior parte da produ√ß√£o para os programas institucionais do governo, escolas e feiras livres. "O excedente fa√ßo farinha de mesa, farinha de puba e bolos para melhorar a alimenta√ß√£o em casa", afirma. 
 
Pol√≠ticas p√ļblicas
 
O Governo do estado, por meio da Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecu√°ria (Seagro) fomenta a cadeia produtiva da mandioca, por meio de pol√≠ticas p√ļblicas voltadas aos agricultores familiares, contribuindo para que atividade se torne lucrativa para o produtor. Entre as pol√≠ticas de incentivo est√£o, 30 Unidades Demonstrativas de Mandioca (UDs), instaladas em diferentes munic√≠pios do estado, com plantios de mandioca para gerar manivas de qualidade. As mudas, livres de v√≠rus e doen√ßas, s√£o distribu√≠das para os produtores rurais. A proposta √© a de fortalecer o desenvolvimento da cadeia produtiva de mandioca no Tocantins.
 
A iniciativa integra o programa Reniva (Rede de multiplica√ß√£o e transfer√™ncia de manivas-semente de mandioca com qualidade gen√©tica e fitossanit√°ria). "O trabalho √© desenvolvido, em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecu√°ria (Embrapa), Minist√©rio Agr√°rio e Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins (Ruraltins), entre outros parceiros, no sentido de fornecer um material gen√©tico de alta qualidade, para que os produtores utilizem esse material em plantios, aumentando assim a produtividade da mandioca no estado", destaca o gerente de Assist√™ncia T√©cnica e Extens√£o Rural da Seagro, Jos√© Carlos Moraes.  
 
Semin√°rio
 
A Secretaria da Agricultura incentiva ainda através de capacitação, fóruns, seminários e dias de campo. Como o Seminário Estadual sobre a Cadeia Produtiva da Cultura da Mandioca: Cenário atual e oportunidades para o Desenvolvimento da Cultura da Mandioca no Estado do Tocantins, que será realizado nesta segunda-feira, 06, a partir das 13h. O evento acontece no auditório do Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado do Tocantins (OCB-TO), na avenida JK, em Palmas.
 
Outras iniciativas
 
Tamb√©m entre as iniciativas est√£o o programa Terra Forte, que auxilia os produtores nos plantios de suas culturas com o empr√©stimo de tratores √†s prefeituras e associa√ß√Ķes de agricultores. E ainda apoio com transporte gratuito do calc√°rio, para corre√ß√£o da acidez dos solos, al√©m de servi√ßos de extens√£o rural, com dissemina√ß√£o de informa√ß√£o, orienta√ß√£o ao produtor e acompanhamento da produ√ß√£o, por meio do Ruraltins.


Confira também


Coment√°rios

comments powered by Disqus