Palmas, 20/08/2017

Estado

Leitura, escrita e a

Pais e filhos viajam no mundo da literatura na Escola João Paulo II

  • Na escola, as estórias de Maurício de Souza, Monteiro Lobato, Ruth Rocha, Tarsila do Amaral, Vinícius de Moraes, Van Gogh, José Mauro de Vasconcelos, Machado de Assis dentre outros levaram os pais a mergulharem no mundo da literatura infantil

Íris Silva e Selma Nascimento

Pais e filhos viajam no mundo da literatura na Escola João Paulo II



Cidadania e inclusão, preconceitos e sentimentos, cores e meio ambiente, água e alimentação, foram alguns dos temas trabalhados por alunos e professores da Escola João Paulo II, os quais chamaram atenção dos pais que participaram da culminância do projeto Leitura, escrita e arte ocorrido sexta-feira, 4,  no anexo e sede da Unidade de Ensino.

Na escola, as estórias de Maurício de Souza, Monteiro Lobato, Ruth Rocha, Tarsila do Amaral, Vinícius de Moraes, Van Gogh, José Mauro de Vasconcelos, Machado de Assis dentre outros levaram os pais a mergulharem no mundo da literatura infantil e destacaram a importância desse tipo de ação para o desenvolvimento intelectual dos estudantes.

Foi o que confirmou o casal José Maurício de Araújo e Rúbia Kely de Souza Guimarães, pais da aluna Júlia Vitória, eles destacaram que na escola foi o local ideal para filha diminuir a timidez e desenvolver de forma surpreendente a leitura. "A leitura é muito importante para o desenvolvimento da criança, e quando adulta com certeza ela será diferente, isso devido à base educacional que teve aqui, pois aprendeu ler de forma interessante e atraente, além de perder a timidez. A realização do projeto motivou ainda mais nossa filha". Disseram.
Quem também ficou encantada com o resultado do projeto foi dona Maria Vania de Souza Silva, mãe do aluno Luis Fernando, ela fez questão de visitar todas as salas e assisti as apresentações culturais realizadas pelos alunos. "Ele é muito inteligente, gosta de fazer as atividades com cuidado e atenção. E tudo está fantástico". Ressalta a mãe.

Além de exposições dos trabalhos referentes aos autores estudados, a comunidade escolar pode passear no mundo da imaginação ouvindo poesias, músicas e assistindo apresentações teatrais diversas, como o Fantástico Mistério de Feiurinha de Pedro Bandeira, encenado pelos alunos do 5ª ano do anexo da escola e As Cores de Ruth Rocha, com os alunos da do 1ª ano da sede. Teve também a Pílula Falante, em forma de teatro, de Monteiro Lobato; Vida e Obra de Tarsila do Amaral; As Borboletas de Vinícius de Moraes; exposição sobre Van Gogh; José Mauro, Machado de Assis; O Sitio do Pica-Pau Amarelo, de Monteiro Lobato e Dona Árvore, ­­ música coreografa.
Leitura, escrita e arte

Iniciou em março deste ano e teve como principal objetivo incentivar a leitura e escrita dos alunos, trabalhado durante o ano letivo, sendo uma das ações do Projeto Politico Pedagógico da Unidade de Ensino.


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus