Palmas, 26/05/2017

Estado

ZEE

Portal do Zoneamento já está disponível

  • De acordo com o secretário, David Torres, o site significa uma ferramenta de transparência do processo de criação do ZEE

Portal do Zoneamento já está disponível



Suellen Lustosa


O governo do Tocantins lançou na última quarta-feira (12) o portal do zoneamento ecológico-econômico (http://zee.seplan.to.gov.br/). Pelo site, a população do estado terá acesso a uma série de informações e documentos sobre o território, sob a ótica do meio ambiente e também será utilizado como instrumento para planejar as ações de ocupação e uso do solo com o menor impacto socioambiental possível.
No portal estão disponíveis informações que servem de apoio à gestão territorial e fornecem subsídios técnicos para a definição de áreas prioritárias para o desenvolvimento sustentável. Os dados irão orientar os investimentos do governo e da sociedade civil segundo as características regionais.

De acordo com o secretário, David Torres, o site significa uma ferramenta de transparência do processo de criação do ZEE. "Com base nas referências que estão disponíveis no site a sociedade terá informação suficiente para opinar sobre o projeto com propriedade", avalia o secretário.

Previsto por meio da Lei Estadual nº 2.656/2012, o plano de desenvolvimento sustentável abrange todos os riscos ambientais e sociais que envolvem o território. "A sociedade terá acesso a documentos, mapas e matérias sobre pontos que consideramos mais relevantes", adianta Torres.
 
Zoneamento Ecológico Econômico

O ZEE é uma ferramenta que consiste na elaboração de um diagnóstico das características naturais e sócio-econômicas de todas as regiões do Estado. Uma de suas funções é criar cenários alternativos para consolidação de potencialidades econômicas, recuperação de áreas degradadas, ocupação territorial integrada e ordenada, bem como para o planejamento dos projetos de infraestrutura influenciados pela adoção de modelos de desenvolvimento social, econômico, cultural e ambientalmente sustentáveis.

--
Ascom Seplan


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus