Palmas, 13/12/2017

Justica

Biometria

“O voto do eleitor do Tocantins está ainda mais seguro”, afirma Gilmar Mendes em solenidade no TRE-TO

  • O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, veio ao Tocantins na tarde desta sexta-feira (2/6) para solenidade de encerramento do projeto Tocantins 100% Biométrico

Lucas Nascimento

“O voto do eleitor do Tocantins está ainda mais seguro”, afirma Gilmar Mendes em solenidade no TRE-TO



O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, veio ao Tocantins na tarde desta sexta-feira (2/6) para solenidade de encerramento do projeto Tocantins 100% Biométrico. Ao lado da presidente do TRE-TO, desembargadora Ângela Prudente, e da vice-presidente e corregedora eleitoral, desembargadora Jacqueline Adorno, o Ministro comemorou a conquista do Regional tocantinense, que se apresenta em posição de destaque no cenário nacional por ser o primeiro Estado a concluir o cadastrado biométrico dos eleitores em 2017.
 
Para o presidente do TSE a conclusão da biometria no Tocantins marca o início de um novo paradigma no processo eleitoral do Estado. "O voto dos eleitores do Estado está ainda mais seguro, o Tocantins é 100% Biométrico, podendo contar com a identificação das digitais em todos os seus municípios como mais uma ferramenta de transparência e segurança na hora do voto", ressaltou.
 
O presidente do TSE também parabenizou toda a equipe de magistrados e servidores do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) pela dedicação em concluir do cadastro de todos os eleitores. "O dia de hoje marca a conclusão exitosa de um longo período de dedicação e trabalho em equipe na conclusão da coleta das digitais de todos os eleitores deste Estado, que tem dimensões territoriais nacionais e locais de difícil acesso, como as aldeias indígenas e região do Jalapão", destacou.
 
Identificação Civil

Ainda durante a visita, o ministro falou sobre a importância da Biometria para Identificação Civil Nacional (ICN) que utilizará a base de dados biométricos da Justiça Eleitoral e a base de dados do Sistema Nacional de Informações de Registro Civil (Sirc). "É um projeto importante,  que utilizará o banco de dados da biometria, as informações serão armazenadas e geridas pelo TSE, que as manterá atualizadas e adotará as providências necessárias para assegurar a integridade, a disponibilidade, a autenticidade e a confidencialidade de seu conteúdo", explicou o presidente do TSE.
 
Biometria

A presidente do TRE-TO, desembargadora Ângela Prudente, ressaltou que o  Projeto da Biometria foi conduzido com um planejamento rigoroso das ações e a definição de cronograma de execução, alinhados à disponibilidade orçamentária. E ressaltou a emprenho e comprometimento de magistrados, servidores e parceiros. "É um momento de reconhecimento, gratidão e agradecimentos. Reafirmo que o sucesso da Biometria só foi possível graças ao trabalho de equipe e o esforço concentrado de todos, magistrados, servidores, colaboradores, além do imprescindível de parceiros municipais e imprensa. Mas deixo o meu agradecimento também para o povo do Tocantins, que atendeu ao nosso chamado. Somos um Tocantins 100% Biométrico!", afirmou.   
 
Ao relembrar a trajetória da biometria no Estado, a desembargadora também detalhou as ações estratégicas utilizadas. "Realizamos audiências públicas nas 29 Zonas Eleitorais, com autoridades locais, líderes comunitários, representantes religiosos e agentes de saúde. Fomos até os eleitores por meio de itinerantes, estivemos presentes nos 118 municípios, além de atendimentos prioritários nos assentamentos, povoados, aldeias indígenas e locais de difícil acesso, inclusive com a utilização de equipamento via satélite para acesso a internet", revelou.
 
A presidente ainda destacou que aliada a essas iniciativas, foi utilizado um Sistema de Monitoramento, com a evolução diária das metas e o mapeamento do desempenho de cada Zona Eleitoral em tempo real, visualizados através de recurso tecnológico inédito entre os Tribunais Regionais, denominado de "Vídeo Wall".
 
Durante a visita o ministro Gilmar Mendes, acompanhado pela imprensa e pelos magistrados do TRE-TO, conheceu a sala de monitoramento localizada no 2º piso do Tribunal.
 
"Com essa importante ferramenta para o gerenciamento do projeto, monitoramos diariamente e de forma online cada passo da execução da Biometria", explicou o secretário de Tecnologia da Informação do TRE-TO, Jader Gonçalves.


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus