Palmas, 26/07/2017

Política

Educação

Audiência Pública vai debater o combate a incitação à prática de trote ou conduta jocosa na internet

  • A parlamentar apresentou recentemente o Projeto de lei 7170/2017 que altera a lei do marco civil da internet e o Decreto –Lei 2.848 do Código Penal para combater trotes e práticas como o Jogo da “Baleia Azul”

Audiência Pública vai debater o combate a incitação à prática de trote ou conduta jocosa na internet



Foi aprovado nesta quarta-feira,26, na Comissão de Educação, o requerimento de autoria da deputada federal Josi Nunes (PMDB/TO) que solicita a realização de uma audiência pública para discutir o combate a incitação à pratica de trote ou outra conduta perniciosa na internet.

A parlamentar apresentou recentemente o Projeto de lei 7170/2017 que altera a lei do marco civil da internet e o Decreto –Lei 2.848 do Código Penal para combater trotes e práticas como o Jogo da "Baleia Azul", que propõe 50 desafios aos adolescentes entre esses, o suicídio. Tal prática tem preocupado pais e professores em todo o país, uma vez que dois casos de morte no Brasil, estão sendo investigados por suposta relação com o jogo.

De acordo com a deputada, a audiência pública vai aprofundar o debate sobre o tema, principalmente no que tange a punição. " Recentes estudos acadêmicos demostraram que não são brincadeiras inocentes, mas complicadas relações de poder e de autoritarismo o que motiva tais ações , especialmente entre jovens, num comportamento coletivo comum aos ditos "rituais de passagem" da sociedade.  Assim criaríamos o tipo penal de incitação à pratica de trote no âmbito do código Penal Brasileiro, por meio da inserção do art 136-a Decreto Lei nº 2.848 de 07 de dezembro de 1940. Sentimos a necessidade de discutir ainda a inclusão de nova tipificação penal no âmbito da legislação, de modo a criar o crime de incitação à conduta perniciosa que possa causar lesão corporal ou morte, a exemplo o trote universitário", justificou a parlamentar.


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus