Palmas, 22/01/2018

Saúde

SUS

Em parceria com Sírio Libanês, Etsus finaliza curso de especialização para fortalecer o SUS

  • Nesta quarta-feira, 30, os alunos que concluíram as especializações, realizando no auditório da Unitins, a apresentação do trabalho final, que são os projetos aplicativos

Luciano Ribeiro

Em parceria com Sírio Libanês, Etsus finaliza curso de especialização para fortalecer o SUS



Camilla Negre/ Governo do Tocantins
 
A Secretaria de Estado da Saúde do Tocantins (SES-TO), através da Superintendência de Gestão Profissional e Educação na Saúde, por meio da Escola Tocantinense do Sistema Único de Saúde (Etsus), a Secretaria Municipal de Saúde de Palmas e o Conselho de Secretárias Municipais de Saúde do Tocantins, estabeleceram parceria com o Instituto Sírio-Libanês de Ensino e Pesquisa (IEP/HSL) e ofertaram durante oito meses, deste março deste ano, cursos de formação aos profissionais da saúde no Estado, especificamente para as Regiões de Saúde: Ilha do Bananal, Amor Perfeito e, Capim Dourado.

Nesta quarta-feira, 30, os alunos que concluíram as especializações, realizando no auditório da Unitins, a apresentação do trabalho final, que são os projetos aplicativos. "Estamos finalizando um ciclo, concluindo as três especializações. Os alunos estão apresentando hoje os projetos aplicativos feito em grupo, que vai de algum modo reverter para melhoria de processo de trabalho nos seus locais de atuação e conseqüentemente, vai trazer melhoria ao SUS, e oferta do serviço á população" explicou a diretora da Etsus, Laudecy do Carmo.

Ainda de acordo com ela, os cursos terão como produtos projetos aplicativos no SUS, os alunos especializados vão atuar e aplicar o que aprenderam nos locais de trabalho, para favorecer a melhoria da gestão, assistência à saúde e educação na saúde. Cada turma foi composta por quarenta alunos que são trabalhadores da saúde municipais e estaduais.

"Os facilitadores desses três cursos também são servidores da saúde, tanto do Estado quanto do município e eles também são alunos de outro curso de especialização em processos Educacionais em Saúde. É uma nova metodologia implantada pelo Instituto Sírio Libanês, formamos os alunos em especialistas e os facilitadores também são formados em aperfeiçoamento de educação na saúde" destacou a diretora.

Uma das facilitadoras do Curso de Gestão da Clínica nas Regiões de Saúde, Raimunda Fortaleza, disse que a experiência de ser facilitadora e aluna ao mesmo tempo, foi inovadora. "Foi uma experiência ímpar, algo inovador, além de ser protagonista, o facilitador contribui para que os outros também tenham essa autonomia para que protagonizem o próprio conhecimento. Me preencheu enquanto pessoa, enquanto profissional e enquanto facilitadora".

Já o aluno Felipe Brito, fisioterapeuta, especializando no curso de Gestão da Clínica nas Regiões de Saúde disse que "o curso trouxe uma visão ampla de várias partes da saúde, tanto da atenção básica quanto da atenção especializada. Não se falava de maneira isolada e sim de uma rede de atenção continuada. Foi uma formação excelente" destacou.

O objetivo final é o melhor atendimento à população. "Cento e vinte profissionais que serão agentes transformadores, vão levar o conhecimento que adquiriram e ser multiplicadores desse processo em seus locais de atuação" enfatizou a diretora da Etsus, Laydecy Carmo.

Cursos

Os Projetos Aplicativos são referentes aos cursos de Especialização em Vigilância em Saúde, em Palmas, com 2 (dois) facilitadores e 40 discentes; Especialização em Regulação em Saúde no SUS, e Especialização em Gestão da Clínica nas Regiões de Saúde, em Gurupi, com 2 (dois) facilitadores e 36 discentes.

Os cursos são estratégias de educação em saúde que compõem os Projetos de Apoio ao SUS do IEP/HSL, com o Ministério da Saúde através do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS), Conselho Nacional de Secretário de Saúde (CONASS), o Conselho Nacional de Secretárias Municipais de Saúde (CONASEMS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Para a execução destes cursos no Estado do Tocantins foi instaurada uma Comissão Gestora Local composta por representantes do IEP/HSL, da Secretaria de Estado da Saúde, do Conselho dos Secretários Municipais de Saúde do Tocantins (Cosems) e, da Secretaria Municipal de Saúde de Palmas.


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus