Palmas, 24/11/2017

Sa√ļde

HGP

HGP realiza primeira cirurgia de tr√Ęnsito intestinal por videolaparoscopia

  • O procedimento foi realizado com uma moradora da Capital e durou cinco horas

Washington Luiz

HGP realiza primeira cirurgia de tr√Ęnsito intestinal por videolaparoscopia



Wherbert Ara√ļjo/Governo do Tocantins
                    
Mais uma conquista na √°rea da sa√ļde p√ļblica no Tocantins. Contando com equipamentos de laparoscopia realizando procedimento cir√ļrgico menos incisivo, o Hospital Geral de Palmas (HGP) realizou na √ļltima ter√ßa-feira, 16, a primeira cirurgia de reconstru√ß√£o de tr√Ęnsito intestinal por v√≠deo laparoscopia no sistema p√ļblico estadual. O procedimento foi realizado com uma moradora da Capital e durou cinco horas.
 
A beneficiada foi a estudante Let√≠cia Gomes Ribeiro, de 20 anos. Convivendo com uma bolsa de colonostomia desde 2016, ap√≥s sofrer intercorr√™ncias durante o parto de sua primeira filha e enfrentar um processo infeccioso, ela precisou fazer uma histerectomia, retirando √ļtero e ov√°rios. "Tudo era muito dif√≠cil porque eu n√£o conseguia arrumar emprego. Logo que falava que precisava me ausentar, √†s vezes por causa da limpeza da bolsa, eu n√£o conseguia trabalho. Agora tudo vai mudar", afirmou. Confiante, Let√≠cia sonha em voltar a ter uma vida normal como qualquer jovem de sua idade. "Vou voltar a estudar e com certeza voltar a trabalhar", afirma.
 
De acordo com o cirurgi√£o It√°gores Hoffman I, coordenador do Servi√ßo de Cirurgia do Aparelho Digestivo do HGP, al√©m de causar menos inc√īmodo no p√≥s-operat√≥rio, a cirurgia com equipamentos de laparoscopia garante uma recupera√ß√£o mais r√°pida. "O paciente sente menos dores ap√≥s o procedimento, o risco de sangramento e infec√ß√£o √© menor e a pessoa recebe alta em at√© cinco dias ap√≥s a cirurgia", afirmou. Ainda de acordo com o coordenador, a previs√£o √© que a partir de agora, procedimentos semelhantes sejam realizados utilizando as mesmas t√©cnicas e equipamentos, garantindo mais conforto aos pacientes.


Confira também


Coment√°rios

comments powered by Disqus