Palmas, 21/07/2017

Últimas

Fiscalização

Empresa é multada novamente por incêndio em área rural de Pedro Afonso

  • Os fiscais verificaram que até esta quinta-feira, 13, ainda havia focos da queimada na região

Empresa é multada novamente por incêndio em área rural de Pedro Afonso



Fred Oliveira /Governo do Tocantins

A empresa Ramata Empreendimentos e Participações S.A – conhecida na região como Usina da Bunge – foi multada em R$ 279 mil por crime ambiental, no caso uma queimada sem controle. O incêndio teve início no último sábado, 08, em uma propriedade na zona rural do município de Pedro Afonso.

A equipe de Fiscalização do Escritório Regional do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) de Pedro Afonso esteve no  local e constatou que o fogo começou no canavial da empresa, destruiu uma área de 118,98 hectares, e em seguida atingiu uma área de reserva legal da Fazenda Boa Esperança, onde devastou 31,20 hectares do cerrado.

Os fiscais verificaram que até esta quinta-feira, 13, ainda havia focos da queimada na região.

Essa foi a segunda vez que a Ramata Empreendimentos e Participações S.A foi autuada por esse tipo de crime. Em 2015, o Naturatins emitiu cinco autos de infração que totalizaram R$ 2.642.000,00 em multas à empresa.

Queimas controladas

Como acontece todos os anos o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), emitiu portaria suspendendo as Autorizações Ambientais de Queima Controlada. Entre os  motivos da suspensão estão à ocorrência de ventos fortes, a falta de chuva, a  baixa umidade do ar, além da massa vegetal seca, comuns no Estado nessa época do ano. Fatores que aumentam o risco de incêndios florestais. A medida visa prevenir danos ao meio ambiente.


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus