Palmas, 19/11/2017

Últimas

Palmas

Polícia Civil apreende veículo financiado mediante fraude e prende suspeito por uso documento falso em Palmas

  • A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da 5ª Delegacia de Palmas, efetuou, na tarde desta quinta-feira, 31, a apreensão de um veículo VWUP, o qual estava em poder de Júlio César Nogueira de Assis, 38 anos

Polícia Civil apreende veículo financiado mediante fraude e prende suspeito por uso documento falso em Palmas



Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins
 
A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da 5ª Delegacia de Palmas, efetuou, na tarde desta quinta-feira, 31, a apreensão de um veículo VWUP, o qual estava em poder de Júlio César Nogueira de Assis, 38 anos, que foi autuado em flagrante pela prática do crime de uso de documento falso.
 
Conforme o delegado, Evado de Oliveira Gomes, titular da 5ª DPC e responsável pelo caso, uma equipe de policiais civis foi até a residência de Julio César com a finalidade de dar cumprimento a mandado de busca e apreensão referente à outra investigação. Ao chegar ao imóvel, os agentes se depararam com o veículo e solicitaram a documentação do mesmo.
 
Após conferir os documentos, os policiais civis descobriram que havia irregularidades no Certificado de Registro de Veículo Automotor (CRLV), pois os dados não conferem com o original. Desta maneira, Júlio César foi preso e encaminhado à sede da 5ª Delegacia para as providências legais cabíveis.
 
Ao ser questionado sobre a origem do carro, o suspeito disse que adquiriu o bem em uma garagem, na cidade de Anápolis – GO, e que, inicialmente, havia sido financiado em nome de outra pessoa, mas que depois de um ano e meio, faria a transferência para seu nome.
 
Todavia, os policiais civis apuraram que o carro tinha sido financiado em nome de outra pessoa, a qual não sabia da existência da transação comercial. Após os procedimentos necessários, Julio César foi recolhido à carceragem da Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPPP), onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário. 


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus