Palmas, 20/10/2017

Viver

Aedes Aegypti

De olho no Aedes aegypti, Subprefeitura faz mutir√£o de limpeza no Setor Morada do Sol II

  • O mutir√£o foi solicitado pela Associa√ß√£o de Moradores do setor e Conselho Local de Sa√ļde e tem o apoio da Secretaria Municipal de Sa√ļde (Semus)

Aline Batista

De olho no Aedes aegypti, Subprefeitura faz mutir√£o de limpeza no Setor Morada do Sol II



Juliana Matos

Equipes da Subprefeitura de Palmas est√£o concentradas no Setor Morada do Sol II, na regi√£o Sul da Capital, para realizar mutir√£o de limpeza com intuito de prevenir focos do mosquito Aedes aegypti. Nesta ter√ßa-feira, 10, duas equipes realizam servi√ßo de palita√ß√£o e varri√ß√£o de √°reas p√ļblicas, enquanto que, nesta quarta-feira, 11, cinco caminh√Ķes ser√£o disponibilizados para coleta de lixo, entulho e materiais inserv√≠veis. O mutir√£o foi solicitado pela Associa√ß√£o de Moradores do setor e Conselho Local de Sa√ļde e tem o apoio da Secretaria Municipal de Sa√ļde (Semus).
 
Para orientar a popula√ß√£o, carros de som est√£o circulando no bairro, alertando para a a√ß√£o e pedindo aos moradores que retirem os entulhos e materiais que n√£o s√£o recolhidos pela coleta de lixo dom√©stico e os coloquem nas cal√ßadas. A orienta√ß√£o √© que res√≠duos org√Ęnicos sejam ensacados antes de serem colocados para recolhimento.
 
"A ação é uma estratégia de prevenção. Estamos incentivando os moradores a fazerem uma limpeza geral em seus quintais para que possamos passar recolhendo lixo e galhadas nas calçadas com o objetivo de limpar o bairro e prevenir focos do mosquito da dengue antes das chuvas se intensificarem", justifica o assessor executivo da Subprefeitura, Ronaldo Mesquita.
 
Criadouros móveis
 
O Setor Morada do Sol II tem aproximadamente mil residências e lá, segundo as equipes de controle vetorial da Semus, predominam criadouros de mosquito em objetos pequenos que poderiam ser descartados corretamente na coleta de lixo regular e que acabam sendo jogados em áreas verdes e servindo de depósito de água parada, ambiente ideal para a proliferação do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya.
 
O supervisor geral da dengue, Weider Gomes, ressalta que os agentes de combate a endemias nas visitas de rotina encontram muitos criadouros m√≥veis do mosquito (vasilhas, copos pl√°sticos, garrafas pet, etc). "√Č um setor que tem rede de esgoto, tem coleta de lixo regular, mas ainda tem muito lixo sendo jogado nas √°reas verdes. Como √© uma √°rea perto de c√≥rregos, quando h√° chuva, muito desse lixo acumulado em √°reas verdes √© varrido para o c√≥rrego, e isso contribui para aumento de criat√≥rios de mosquitos", diz. Ele explica ainda que o trabalho de orienta√ß√£o √† comunidade tamb√©m est√° sendo realizado para garantir que a popula√ß√£o esteja ciente e envolvida na luta contra o Aedes.


Confira também


Coment√°rios

comments powered by Disqus