Saturday, 18 de January de 2020

CONCURSOS


Suspensão de Concurso

MPE ajuíza Ação para pedir a suspensão e posterior anulação de concurso em Goianorte por suspeitas de fraude

07 Nov 2018

O Ministério Público Estadual (MPE), por meio do Promotor de Justiça Caleb Melo, ajuizou Ação Civil Pública em desfavor do município de Goianorte e do Instituto de Capacitação Assessoria e Pesquisa Ltda. (ICAP) por suspeitas de fraudes no concurso público, realizado em setembro, e favorecimentos de servidores que têm vínculo de parentesco ou/amizade íntima com detentores de cargos do primeiro escalão do Executivo e Legislativo.


Na Ação Civil Pública, proposta pelo Promotor de Justiça Caleb Melo, em desfavor do município do Goianorte e do Instituto de Capacitação Assessoria e Pesquisa Ltda. (ICAP), são apresentadas diversas irregularidades que comprometem a lisura do concurso. O ICAP foi contratado, por meio de processo licitatório, pelo valor de R$ 168.622,92 para organização, execução, planejamento, impressão e correção das provas.


O principal problema identificado, a partir de denúncia, é que mais da metade dos candidatos aprovados detém vínculo de parentesco ou amizade íntima com membros da Câmara Municipal de Goianorte, bem como foi identificado que um dos membros da comissão do concurso teve a sua esposa entre os aprovados, além de que, uma candidata que não assinou a folha de respostas (o que seria motivo para sua desclassificação) figurou entre os classificados, sendo constatado que tal pessoa, além de ser irmã de um político da base aliada do gestor, seria secretária deste.


Dentre os aprovados, estariam cinco esposas, doze primos, dois irmãos e cinco amigos íntimos dessas pessoas.


Os oito vereadores, supostamente integrantes da base aliada, e os detentores de cargos diretivos no Poder Executivo puderam indicar seus apadrinhados. Só o prefeito, Luciano Pereira de Oliveira, indicou oito pessoas, sendo seis de sua família e dois amigos íntimos.


Dentre os pedidos apresentados pelo promotor de Justiça Caleb Melo, além da suspensão, consta a realização de novo concurso, sem ônus para o ente público. (Paulo Teodoro)

COMPARTILHE:


Confira também:


Economia

Governo do Tocantins e Conselho Regional de Administração firmam parceria para fomentar empreendedorismo

Parceria entre o Governo do Estado e CRA visa otimizar o desenvolvimento econômico e social do Estado

Economia

Confiança dos empresários do comércio cresce em janeiro

Com relação a gestão de suas empresas, 69% dos entrevistados falaram que esperam aumentar um pouco o número de funcionários em sua empresa.


Educação

Educadores participam de Curso de Liderança e Gestão Educacional

Durante esses dois dias de formação os educadores serão conduzidos pelo conferencista, palestrante e consultor em Educação e Gestão, Renato Casagrande, que os levará a desenvolverem competências comportamentais, conceituais e técnicas de forma que estes at


SES

Mutirão da Corregedoria da SES garante mais de R$ 3 mi em estoque de materiais e medicamentos

Foram analisadas as responsabilidades em casos de produtos não entregues, entregues parcialmente ou com atraso na entrega à SES


Ageto

Governo realiza roçagem de rodovias do perímetro urbano de Palmas


Seduc

Educação amplia atendimento para cadastro de matrículas de alunos novatos na rede estadual


Moradia

Governo inicia entrega de casas no Jardim Taquari em fevereiro


Abastecimento

Estado distribui vacina pentavalente a todos os municípios tocantinenses


Educação Superior

Unitins divulga lista com locais de provas do Vestibular 2020/1 do Câmpus Paraíso


Palmas

AASJN realiza XVIII Encontro de Musicistas, 4º Prêmio Músico Nota 10 e debate Campanha da Fraternidade 2020



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira