Sunday, 22 de September de 2019

CONCURSOS


Unitins

Resultado final: seleção de professores temporários da Unitins é homologada e aprovados devem assinar contrato até dia 07

05 Feb 2019    01:34
Divulgação Resultado final: seleção de professores temporários da Unitins é homologada e aprovados devem assinar contrato até dia 07

A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) publicou e homologou nesta segunda-feira, 04, o resultado final da seleção simplificada de professores temporários. Os candidatos aprovados que atuarão já no semestre letivo 2019/1 estão convocados, conforme Ato da Reitoria, a comparecerem à Diretoria de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas (DGDP), localizada na Sede Administrativa da Unitins, na 108 Sul em Palmas, para assinarem os contratos de trabalho, no período de 05 a 07 de fevereiro.

 

Além dos resultados finais da seleção de cada Câmpus, a Unitins divulgou também a resposta aos recursos interpostos ao resultado preliminar. Acesse o resultado final e o resultados dos recursos pelos links: PalmasAraguatinsAugustinópolisDianópolis.

 

O contrato temporário tem vigência de um ano e pode ser prorrogado por igual período, a depender do interesse da universidade. A duração inicial do contrato temporário considera os semestres letivos 2019/1 e 2019/2.

 

 Seleção simplificada

A seleção se deu por meio de análise documental comprobatória das informações prestadas pelo candidato no ato da inscrição, com validade de um ano a partir da homologação.

 

O processo seletivo ofereceu o total de 169 vagas para atender todos os cursos e serviços ofertados pela instituição em Palmas, Araguatins, Augustinópolis e Dianópolis.

 

A remuneração para o regime de 20 horas varia de R$ 2.411,69 a R$ 3.519,79, conforme a titulação do docente; e para o regime de 40 horas a remuneração vai de R$ 4.823,38 a R$ 7.039,58, também conforme a titulação – especialista, mestre ou doutor.

COMPARTILHE:


Confira também:


Assembleia

Deputados debatem novo projeto do marco regulatório do saneamento básico

A audiência contou também com a presença de Juliana Marques, presidente da Agência Tocantinense de Regulação (ATR), e Thadeu Pinto, presidente da BRK.

CPI

DPE-TO vai informar dados de reclamações à CPI em Gurupi sobre BRK Ambiental

Comissão da Câmara de Vereadores de Gurupi solicitou apoio informativo para fundamentar relatório sobre suposta má-prestação de serviço pela BRK Ambiental




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira