Tuesday, 31 de March de 2020

ECONOMIA


Empreendedorismo

duLocal conquista primeiro troféu do “Planeta Startup”

20 Dec 2019
duLocal conquista primeiro troféu do “Planeta Startup”

Após desbancar nove finalistas na grande final, a duLocal conquistou o primeiro troféu do Planeta Startup na noite desta quinta-feira (19). A plataforma, criada na capital de São Paulo, busca mudar a forma como produzir e consumir alimentos através de processos humanizados, conectando pequenos produtores com cozinheiras para entregar refeições orgânicas. “Foi uma trajetória maravilhosa participar do Planeta Startup e saímos daqui muito fortalecidos, inspirados e com muita garra de construir esse futuro que sabemos que é possível e que tanto acreditamos”, disseram os representantes.

Além do troféu, a empresa levou para casa o prêmio de R$ 500 mil. As cinco equipes finalistas ainda ganharam um curso de MBA presencial do Ibmec para aprimorar as habilidades empreendedoras e expandir a visão de negócios. Já a Microsoft Participações disponibilizará duas sessões de mentoria técnica para a cinco empresas que chegaram à final.

Na primeira etapa do último episódio, as dez empresas classificadas se enfrentaram em uma rodada de negócios com profissionais do mercado. Altrus (plataforma que conecta pessoas que desejam ajudar iniciativas sociais); duLocal (que interliga produtores orgânicos, cozinheiros e consumidor final); Eats For You (aplicativo de delivery de comida de família); Jaubra (app de transporte que atua na periferia de São Paulo); Kiddle Pass (plataforma que permite aos pais agendar e gerenciar atividades educacionais e de lazer de seus filhos); Livre (solução para a mobilidade de deficientes físicos); Packid (empresa que busca a redução do desperdício em diversos segmentos da indústria); Safe.Go (aplicativo que auxilia os pais a controlar a entrada e a saída dos filhos da escola); Ufrilla (plataforma que conecta profissionais de eventos com produtoras, bares e restaurantes); e Vipus (startup que conecta o estabelecimento com seus clientes) encararam uma verdadeira prova de fogo com o objetivo de conseguirem conquistar uma das cinco vagas na etapa seguinte.

Os convidados Marco Poli (top 3 Brazilian Angel Investor); Adriana Coutinho Viali (head da Oi Soluções); Ricardo Podval (CEO Civi-co); Fabi Saad (fundadora do movimento Mulheres Positivas); Alfredo Soares (Ceo VTex); Luiz Vaz (CMO Inter Galaxy); Lucas Nogueira (head Inovabra Habitat); Franklin Luzes (COO da Microsoft Participações), Geraldo Magela (vice-presidente do Instituto IBMEC); e Felipe Mattos (autor do livro “10 mil startups”) conversaram com cada um dos finalistas, que tiveram 10 minutos para mostrar todo o potencial de seu negócio. As equipes foram avaliadas seguindo os critérios de impacto, inovação, mercado, produto, modelo de negócio, pitch e potencial de investimento. As cinco startups com o menor número de pontos deixaram a competição.

As outras cinco finalistas (Packid, duLocal, Kiddle Pass, Ufrilla e Eats For You) seguiram para uma apresentação final para os jurados Amure Pinho e Dani Arruda e para o mentor Fernando Seabra, na qual tiveram de responder perguntas pontuais sobre a empresa para convencê-los de que mereciam o prêmio de R$ 500 mil.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Tocantins tem 12 casos confirmados de Covid-19

De acordo com último boletim divulgado pela Secretaria da Saúde o Tocantins tem 12 casos confirmados.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira