Sunday, 18 de February de 2018

Sunday, 18 de February de 2018

ECONOMIA


Autopeças

Fim da desoneração da folha de pagamento reduz a competitividade da indústria nacional de autopeça, comenta especialista

19 Apr 2017

SÃO PAULO, 19 de abril de 2017 -- No dia 30 de março (2017), o Governo anunciou o fim da desoneração da folha de pagamento que vinha beneficiando o setor de autopeças (dentre outros setores). A medida deve elevar o custo de produção do setor, reduzindo a margem de lucro sob o faturamento. Além de reduzir a competitividade da indústria nacional de autopeças no mercado externo, devido ao elevado "Custo Brasil".

Pela primeira versão da medida (sancionada em 2011), o setor era beneficiado pela substituição da cobrança do INSS empresarial de 20% sobre o total dos salários pagos por uma alíquota de 1% sobre o faturamento da empresa. No fim de 2015, a lei da desoneração foi revisada aumentando a alíquota para 2,5%. sobre o faturamento.

A produção industrial de autopeças de acordo com o Índice do IBGE, em fevereiro apresentou um crescimento de 12,5% na comparação com o mesmo mês de 2016. O resultado levou a um crescimento de 6,4% na fabricação de autopeças neste primeiro bimestre na comparação interanual. No acumulado dos últimos 12 meses, o segmento ainda carrega uma queda de 4,2%.

No primeiro trimestre deste ano, a produção e as vendas de veículos novos e usados no País apresentaram um crescimento, portanto, a indústria de autopeças vem acompanhando o movimento das montadoras de modo geral, e do segmento de reposição. Todavia, pesa sobre o setor a concorrência com as importações. O fim da desoneração da folha de pagamento impacta o setor de autopeças acentuando a concorrência das autopeças nacionais em relação às importadas.

A nova regulamentação da cobrança de contribuição previdenciária das empresas foi publicada por meio de MP (medida provisória), e entra em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir do primeiro dia do quarto mês subsequente ao de sua publicação. 

Especialista do Setor de Autopeças: Laís Soares


FONTE Lafis

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

0

PARABÉNS!
PARABÉNS!

0

BOM
BOM

0

AMEI!
AMEI!

0

KKKK
KKKK

0

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

0

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

0

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Palmas

Prefeitura não cobrará mais taxa de revisão de IPTU

Zini reafirmou que a Prefeitura está à disposição dos contribuintes que observarem eventuais divergências de valores do imposto.

Amastha

Em vídeo, Amastha detalha descontos do IPTU, reforça diálogo e faz apelo a servidores

Prefeito da Capital reforça que gestão está aberta para atender a contribuintes que observarem eventuais distorções no valor venal do imóvel, base de cálculo do imposto


Ciência & Tecnologia

Aspectos centrais sobre TI na Gestão Institucional - Parte 7

Por Daniel Nascimento-e-Silva*


Palmas

Amastha prestigia abertura de empreendimento que investiu meio milhão de reais em Palmas

O empresário Daniel Oliveira, um dos sócios do Wings, afirmou que o planejamento para a instalação do estabelecimento começou há um ano e meio e há oito meses começou a implantação


Tocantins

Projetos sociais desenvolvidos nas unidades prisionais do Tocantins transformam vidas de detentos


Palmas

Prefeita em exercício entrega chave da cidade para presidente do Comadec


Ataídes

Em reunião com trabalhadores rurais, Ataídes concluiu programação no Bico do Papagaio, nessa quinta


Brasil

Deputados do Tocantins são homenageados por vereadores de todo Brasil


Câmara

Líderes de Câmaras Municipais de todo o país são recebidos na Câmara de Palmas


Irrigação

O que é irrigação inteligente?



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira