Saturday, 18 de January de 2020

ECONOMIA


Indústria

Montadoras entregam ao governo, proposta para viabilizar a produção de carros elétricos no Brasil

08 Jul 2013

O Salão Latino Americano de Veículos Elétricos, Componentes e Novas Tecnologias tem sido palco para discutir esse tipo de incentivo e mostrar que veículos elétricos são uma realidade

 

As montadoras entregaram no dia 05, ao ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel, uma proposta para tornar viável a produção de carros elétricos e híbridos no Brasil. Antes da etapa da produção, contudo, querem isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para modelos importados. A justificativa será a de estabelecer a tecnologia no mercado.

 

O plano prevê uma cota de 500 veículos que entrariam no País neste ano com IPI zero (hoje a taxa é de 13% a 25%), número que aumentaria anualmente até chegar a 2,4 mil unidades em 2017. Essas cotas seriam adicionais às estabelecidas pelo programa Inovar-Auto, que livra uma parcela das importações da alta de 30 pontos porcentuais de IPI em vigor desde o fim de 2011. A isenção do Imposto de Importação (II) é pedida apenas para as peças de reposição. Carros vindos de fora do Mercosul e do México pagam 35% de II.

 

No Brasil, onde a grande parte da energia elétrica gerada vem de fontes renováveis, como hidrelétricas, usinas solares e parques eólicos, o brasileiro está cada vez mais consciente e menos conservador em relação à utilização de veículos elétricos. Hoje em dia, em função das crescentes exigências por redução nas emissões e por ações sustentáveis, é importante ressaltar que também cresce a quantidade de desenvolvimento no setor e veículos elétricos em busca de tecnologia mais eficiente e com custos mais acessíveis.

 

Três milhões de veículos leves elétricos deverão circular pelo mundo em 2020. Em 2025, serão 10 milhões e, e em 2030, esse número deve chegar a 19 milhões de unidades, de acordo com um estudo da Associação Brasileira de Veículos Elétricos (ABVE).

 

No Brasil, a tendência é que a quantidade também cresça ainda mais com a divulgação das novas tecnologias – que deixam de ser protótipos e passam a compor o portfólio de modelos de linha das montadoras – e com incentivos governamentais como o solicitado hoje. No Paraná, por exemplo, tramita na Alep (Assembleia Legislativa do Paraná) um projeto que prevê a isenção de ICMS aos veículos de passageiros que contenham motores a combustão e elétricos.

 


O principal fórum sobre veículos elétricos da América Latina

 Diante desse cenário de possibilidades, a troca de informações tecnológicas, o esclarecimentos de mitos e fatos em torno da questão do fornecimento, duração e abastecimento de energia, além da performance de tais veículos se torna urgente, tanto para o benefício ambiental, quanto para que esse tipo de tecnologia seja cada vez mais acessível à população.

 

Dessa forma, a 9ª edição do Salão Latino Americano de Veículos Elétricos, Componentes e Novas Tecnologias, será realizada entre 10 e 12 de setembro de 2013, no Expo Center Norte, em São Paulo, com o objetivo de ser o principal palco para o fomento da inovação no campo dos veículos elétricos.

 

Ricardo Guggisberg, diretor do Salão, afirma que o evento vem popularizar os benefícios dos veículos elétricos e acabar com os mitos sobre eles. “É importante que a população conheça as novas tecnologias que contribuem para a melhoria do cotidiano. Só com a popularização da mobilidade elétrica é que teremos um aumento na demanda desse tipo de veículo no país, o que fará com que ele se torne cada vez mais acessível no mercado”, afirma Guggisberg.

 

O evento, um dos mais importantes do segmento na América Latina, reunirá os maiores fabricantes de veículos elétricos - desde carros, ônibus, motos, bicicletas, patinetes e até cadeiras de rodas - e componentes. Entre eles: Mercedes, CPFL, Renault/Nissan, Toyota, Eletrabus, Auxter, Still, Moura, Weg e DropBoards, e conta com o patrocínio da UTE Norte Fluminense, Rádio Sul América Trânsito e da Itaipu Binacional.

 

Durante o salão também será realizado congresso que reunirá os maiores especialistas brasileiros no assunto para discutir o cenário atual do segmento no país, além do desenvolvimento e uso dos carros elétricos pela população.

 

Fonte: M. Free Comunicação

COMPARTILHE:


Confira também:


Economia

Governo do Tocantins e Conselho Regional de Administração firmam parceria para fomentar empreendedorismo

Parceria entre o Governo do Estado e CRA visa otimizar o desenvolvimento econômico e social do Estado

Economia

Confiança dos empresários do comércio cresce em janeiro

Com relação a gestão de suas empresas, 69% dos entrevistados falaram que esperam aumentar um pouco o número de funcionários em sua empresa.


Educação

Educadores participam de Curso de Liderança e Gestão Educacional

Durante esses dois dias de formação os educadores serão conduzidos pelo conferencista, palestrante e consultor em Educação e Gestão, Renato Casagrande, que os levará a desenvolverem competências comportamentais, conceituais e técnicas de forma que estes at


SES

Mutirão da Corregedoria da SES garante mais de R$ 3 mi em estoque de materiais e medicamentos

Foram analisadas as responsabilidades em casos de produtos não entregues, entregues parcialmente ou com atraso na entrega à SES


Ageto

Governo realiza roçagem de rodovias do perímetro urbano de Palmas


Seduc

Educação amplia atendimento para cadastro de matrículas de alunos novatos na rede estadual


Moradia

Governo inicia entrega de casas no Jardim Taquari em fevereiro


Abastecimento

Estado distribui vacina pentavalente a todos os municípios tocantinenses


Educação Superior

Unitins divulga lista com locais de provas do Vestibular 2020/1 do Câmpus Paraíso


Palmas

AASJN realiza XVIII Encontro de Musicistas, 4º Prêmio Músico Nota 10 e debate Campanha da Fraternidade 2020



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira