Friday, 22 de February de 2019

ECONOMIA


Panorama

Varejo reage e Tocantins fica entre os melhores da Região Norte

06 Feb 2019    16:17    alterado em 06/02 às 16:17
Varejo reage e Tocantins fica entre os melhores da Região Norte

O setor do varejo no Tocantins registrou uma reação positiva no saldo entre abertura e fechamento de empresas em 2018. Isso, porque a diferença passou de -40 (percebida em 2017) para -4 ano passado. Este foi um dos melhores resultados da região Norte, já que o estado aparece em segundo lugar no ranking de abertura líquida de lojas com vínculos empregatícios segundo ramos do varejo: Acre (-61), Amapá (-96), Roraima (-122), Amazonas (-142) e Pará (-374). Em primeiro, está Rondônia com + 46 unidades.

 “Apesar de estar negativo, o Tocantins registrou o menor saldo insatisfatório do Brasil, ficando à frente de Sergipe (segundo lugar, com -29 unidades) e do Rio de Janeiro, que registrou o pior saldo, com -997 empresas do setor”, explica a assessora econômica da Fecomércio Tocantins, Fabiane Cappellesso. Ao todo, 15 estados alcançaram resultados positivos no ranking, fazendo com que o país obtivesse um saldo de 8,1 mil novas unidades, depois de três anos no vermelho.

Cenário de recuperação
Entre os motivos para esse resultado estão a recuperação da confiança dos consumidores, a inflação abaixo da meta, redução de juros e a reação do mercado de trabalho, como aponta o estudo realizado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). De acordo com a pesquisa, a projeção para 2019 é que o Brasil tenha um aumento de 5,8% no volume de vendas e um surgimento de 23,3 mil novos estabelecimentos varejistas com vínculos empregatícios.

Se for analisado por setor, o país conta com 4.510 novas unidades de hiper e supermercados, 1.747 empresas de utilidades domésticas e eletroeletrônicos e 1.439 drogarias, farmácias e lojas de cosméticos, além de empresas das áreas de comércio automotivo, vestuário, calçados e acessórios, livrarias e papelarias, combustíveis e lubrificantes, informática e comunicação, móveis e eletrodomésticos e materiais de construção.

COMPARTILHE:


Confira também:


Saúde

O que você precisa saber para se prevenir da dengue, zika e chikungunya

Os casos prováveis de doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti dispararam no Tocantins. O monitoramento realizado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), apontou, em 2019, um aumento de 1.657,7% (3.867) dos casos de dengue, zika e chikungunya em

Presidente

Léo Barbosa é eleito presidente do Bloco Brasileiro da União de Parlamentares Sul-Americanos

Ao final do evento foram homenageados o vice-governador Wanderlei Barbosa (PHS), o ex-presidente do bloco, Rodrigo Minotto (PDT) e o ex-prefeito de Chapecó, Milton Sander (póstuma), um dos fundadores da UPM.


Defesa do Comércio

Diogo Fernandes lidera Frente Parlamentar em defesa do comércio

A justificativa para criação da Frente reside no fato da população palmense ser dependente dos órgãos públicos, uma vez que a administração governamental é a maior empregadora do município.


Impasse

Defensor Público atende chacareiros envolvidos em conflito agrário que perdura quase 30 anos

Área tem decisão para reintegração de posse, mas moradores alegam que adquiriram as terras e não foram ouvidos pela Justiça


TO-040

Governo vai reconstruir TO-040 entre Dianópolis e divisa com Goiás


Saúde

Governo institui Câmara Setorial para agilizar compra de materiais e remédios na área da Saúde


AL Tocantins

Deputados aprovam projetos do Ministério Público, TJ e Defensoria Pública


Opções no Tocantins

Programe-se: 5 opções para curtir o carnaval no Tocantins


Atuação

Prof. Júnior Geo solicita medidas para a população em virtude da interdição da ponte de Porto Nacional


Palmas

Joseph Madeira toma posse na Acipa e assume compromisso com o fortalecimento da entidade



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira