Wednesday, 20 de March de 2019

ESPECIAL


Meio Ambiente

Projeto Quelônios identifica mais de 270 ninhos de tartarugas na região do cantão

02 Nov 2018    23:32
Projeto Quelônios identifica mais de 270 ninhos de tartarugas na região do cantão

Coordenado pela equipe de pesquisa e monitoramento da diretoria de  Biodiversidade e Áreas Protegidas do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), o Projeto Quelônios  finalizou a marcação de mais de 270 ninhos na região do Cantão.

Com o fim do período de desova, a equipe do projeto também realizou a biometria e marcação das matrizes. Segundo inspetora de recursos naturais, a Aline Vilarinho, em uma praia selecionada, foram capturadas aleatoriamente 32 fêmeas que, após desovarem, foram medidas, pesadas e marcadas. “O objetivo foi coletar  dados que nos permitam estimar a idade de maturação das tartarugas, bem como estimar o tamanho da população através da recaptura”, disse.

Aline explica ainda que as primeiras eclosões estão previstas para o fim deste mês, tendo um pico de atividades  nas últimas semanas de novembro.  No entanto as atividades de monitoramento seguem até o dia 20 de dezembro, ou até o fim do ano, caso haja necessidade.

Alem das equipes de monitoramento, estão envolvidas nas atividades, as equipes de fiscalização do Naturatins, do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama) e do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA).  “Esse trabalho de fiscalização na área direta e indireta do projeto é primordial para assegurar a reprodução e sobrevivência dos quelônios, no sentido de coibir a caça e a pesca ilegal no trecho monitorado”, ressalta a inspetora.

Monitoramento
A fase de monitoramento das tartarugas no seu período reprodutivo teve início na última semana de agosto, com o alinhamento das atividades com toda a equipe de campo.

Três equipes formadas por  01 técnico responsável (biólogo), 01 guarda-parque, 01 piloto de navegação e 02 voluntários, cada uma, se reveza nas ações de monitoramento. Cada equipe permanece em campo por uma semana, sendo substituída pela equipe posterior conforme escala pré-estabelecida no projeto.

Este ano, o Projeto Quelônios do Tocantins teve início em maio com a apresentação do projeto de pesquisa e monitoramento na Diretoria de Biodiversidade e Áreas Protegidas – Naturatins. Desde então foram realizadas articulações com órgãos púbicos e universidades para compor a equipe de realização do projeto, além de captação de parceiros da iniciativa pública e privada como apoiadores do mesmo.

São apoiadores do projeto a Secretaria Geral de Governo, a Fazenda Fartura, a Universidade do Tocantins (Unitins) e a Universidade Federal do Tocantins (UFT), o Programa de Áreas Protegidas da Amazônia (ARPA), entre outros.

COMPARTILHE:


Confira também:


Imbróglio

PGR pede informações sobre dinheiro depositado em conta da Lava Jato

Em nota à imprensa, após a decisão do ministro, a força-tarefa da Lava Jato disse que pediu a suspensão do fundo antes mesmo do pedido feito por Raquel Dodge ao STF.

Ocorrência

Polícia Civil prende dois suspeitos de tráfico de drogas no interior do Estado

Os policiais civis também cumpriram mandado de busca e apreensão na residência de M.T.C, sendo que, no local, foram encontrados uma balança de precisão e um aparelho celular.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira