Wednesday, 18 de September de 2019

ESPORTE


Seciju

Cidadania e Justiça regulamenta assistência voluntária de instituições religiosas ao Sistema Socioeducativo

12 Jun 2019    11:00    alterado em 12/06 às 11:00
Cidadania e Justiça regulamenta assistência voluntária de instituições religiosas ao Sistema Socioeducativo

O respeito à personalidade, intimidade, liberdade de pensamento e religião é um direito individual do adolescente submetido ao cumprimento de medida socioeducativa, garantido pelo Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase). Para preservar a segurança e a qualidade dos serviços voluntários prestados por instituições religiosas ao Sistema Socioeducativo, a Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju) está regulamentando a assistência religiosa voluntária feita por organizações eclesiásticas.

Desde o ano de 2006 todas as unidades socioeducativas do estado possuem assistência religiosa. No entanto, essa é a primeira normatização que define especificações técnicas para auxiliar na segurança e qualidade das visitas, regulamentada pela Portaria nº 194, de 13 de maio de 2019. “A intenção é contribuir na melhoria do atendimento a este direito dos adolescentes, além de normatizar a assistência religiosa que já é realizada”, conta Jardel Alves de Souza, gerente do Sistema Socioeducativo.

De acordo com o superintendente de Administração do Sistema de Proteção dos Direitos da Criança e do Adolescente, Gilberto da Costa Silva, a normatização é necessária para o melhor desenvolvimento das atividades. “Percebemos que os adolescentes que participam dos momentos religiosos passam por muitas mudanças. Apresentam melhora no comportamento, no convívio diário e nas relações interpessoais”, garantiu.

A portaria estabelece regras e procedimentos para o cadastramento de instituições religiosas que tenham pretensão de prestar assistência religiosa voluntária nas unidades de internação coletiva do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo. As denominações eclesiásticas que desenvolvem atividades frequentes junto aos socioeducandos são: Igreja Assembleia de Deus Ministério Seta, Igreja Assembleia de Deus Ministério Madureira, Igreja Mundial do Poder de Deus, Igreja Universal do Reino de Deus e a Igreja Católica.

COMPARTILHE:


Confira também:


Investimentos

Turismo e Cidadania discutem criação da Rede Brasileira de Cidades Criativas

Iniciativa, baseada em programa da Unesco, estimula desenvolvimento turístico e social dos municípios brasileiros

Drogas

Polícia Civil prende quatro traficantes e apreende mais de 30kg de maconha em Gurupi

Com eles foram apreendidos 29 tabletes de maconha, três outros pedaços da mesma droga, uma balança de precisão, R$ 2.382,00 em espécie e aparelhos celulares.


Honraria

Participante de programa do Instituto TIM vence prêmio global da ONU

Anna Luisa Beserra ganhou o Jovens Campeões da Terra com solução solar para purificar a água; projeto foi desenvolvido na edição de 2018 do Academic Working Capital


Agrotóxicos

Assembleia debate uso de agrotóxico em audiência proposta por Zé Roberto Lula

Presente na audiência, o procurador da República Álvaro Manzano, falou da importância de realizar a discussão em um momento, em que ele avaliou como de extrema relevância.


Economia

Endividamento atinge mais de 68% dos palmenses em agosto


Vestibular

Inscrições abertas para o Vestibular da Unitins


Ocorrência

Polícia Civil prende mulher suspeita de estelionato no sudeste do Estado


Proibição

Adapec apreende carga de 10 toneladas de sementes de capim irregular na TO-050 entre Palmas e Porto Nacional


Tocantins

Adetuc e consultores reúnem-se para definir implantação do Observatório do Turismo do Tocantins


Educação

Com palestras, professor da Rede Municipal de Palmas motiva alunos a enfrentarem obstáculos



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira