Saturday, 19 de October de 2019

ESPORTE


Gurupi

Josi e Abdala continuam embate

13 Aug 2008

Em Gurupi, a campanha ferve ainda mais a cada dia que passa. De um lado, é candidato apontado falhas e fazendo promessas; o outro lado apenas se atém a responder as alfinetadas no mesmo tom. Enquanto isto, as duas chapas seguem fazendo reuniões, abraçando crianças, idosos, visitando empresários e os bairros mais carentes. As igrejas evangélicas também não ficam de fora. Vale tudo para garimpar o maior número de votos, que garantirá quatro anos no poder.

Josi Nunes (PMDB) tenta mostrar o que já fez por Gurupi como deputada, já Alexandre Abdalla (PR) mostra o que fez em 130 dias de administração, prometendo fazer muito mais em quatro anos.

Há poucos dias, Josi Nunes enfatizou a solicitação que fez por duas vezes, como deputada, ao presidente Lula, sobre a federalização da Unirg. Ela explicou que a criação da Faculdade se deu por meio de seu pai, o ex-prefeito Jacinto Nunes, que, segundo ela, sonhava em ver a então Fafich federalizada. Agora ela garante que vai voltar a discutir esse assunto com a comunidade e com os acadêmicos. De acordo com Josi, no Brasil há a necessidade de se criar mais universidades federais, e que a Unirg pode ser aproveitada para preencher esta demanda. Josi ressalta que esta é uma oportunidade para que centenas de jovens possam realizar o sonho de um curso superior.

Dentro de toda essa discussão, a candidata não perdeu a oportunidade de fazer críticas ao seu oponente, Abdalla, que participou, no início do mês, de um chat no portal do jornalista Cleber Toledo.

Segundo Josi, o prefeito não parece estar entusiasmado com a federalização da Unirg. Isso a candidata falou com base na reposta que Abdalla teria dado quando questionado sobre o posicionamento quanto à proposta de federalização. Abdalla respondeu, no portal, que é favorável, porém é algo que precisa de muito apoio político. Baseada nessa resposta é que Josi diz não haver ânimo. “Não senti muito entusiasmo nas declarações do prefeito, parece-me que não há interesse por parte dele e da União do Tocantins (UT) em tornar a Unirg gratuita", afirmou Josi. "Até porque a quem interessa que a Unirg deixe de cobrar mensalidades?”, questionou Josi.

Josi garante que vai articular com a bancada federal para que novas solicitações sejam feitas, afim de que Gurupi tenha sua Universidade Federal. "O prefeito disse que falta apoio político na gestão dele para federalizar a Unirg, o que não acontecerá na nossa administração, pois temos apoio maciço para resolver esta questão", declarou Josi.

A assessoria do candidato Abdalla, quando procurada, explanou que volta a insistir que a deputada Josi Nunes e sua assessoria estão com sérios problemas de interpretação de texto. A assessoria diz acreditar que a “ambição desmedida da deputada Josi Nunes está confundindo o juízo dela e de todos os que a assessoram”. Afirma ainda que a ganância do grupo liderado por Josi Nunes é tão grande com relação à Unirg que ela utilizou a Instituição como moeda de troca para conseguir o apoio de um dos partidos políticos que passou a apoiá-la às vésperas das convenções.

A assessoria finaliza dizendo que a deputada deveria deixar de lado propostas exageradamente generosas, que têm o objetivo de enganar o eleitor, para discutir soluções com os pés no chão. E ressalta que, ao que parece, quem não está interessada que a Instituição deixe de cobrar mensalidades é a candidata, já que anda fazendo negociatas para conquistar apoio.

 

Juiz defere candidatura de Josi

No último dia 08, o juiz da zona eleitoral de Gurupi, Nassib Cleto Mamud, deferiu o pedido de candidatura de Josi Nunes (PMDB), à prefeitura de Gurupi.

O magistrado considerou legítima a argumentação de que Josi Nunes está em dia com a Justiça Eleitoral

A candidata da coligação “Gurupi Quer Mais” apresentou toda a documentação que comprova a legitimidade de seus direitos políticos. "Sempre estive muito tranqüila em relação à nossa candidatura e sabia que a Justiça seria feita”, disse Josi .

COMPARTILHE:


Confira também:


Proteção de Indígenas

MPF/TO recomenda providências para proteção de indígenas isolados avistados na Ilha do Bananal

A população avistada provavelmente é do povo Avá-Canoeiro, também conhecido regionalmente como “Cara Preta”.

AL

Presidente da ATS deve ser convidado a prestar esclarecimentos

Os deputados querem esclarecimentos sobre o pagamento dos serviços prestados ao Governo do Estado há mais de um ano. Na tentativa de sensibilizar a população, os manifestantes colocaram carros-pipa à frente da sede do Legislativo e também faixas com pedido


TJTO

“Tudo funciona melhor quando nos colocamos na posição de ouvinte”, destaca o presidente do TJ ao abrir seminário

O presidente do TJTO, desembargador Helvécio Maia, ressaltou que todas as ações do Poder Judiciário vêm sendo pautadas no diálogo com a sociedade e com todos os atores que compõem o Sistema de Justiça.


IEES

Semana de fisioterapia do HGP destaca avanços e atualiza profissionais

O evento acontece no Instituto de Excelência em Educação e Saúde (IEES), em Palmas e reúne profissionais de diversas áreas.


IFTO

Elenil apoia projeto do IFTO que vai levar cursos técnicos aos 139 municípios do Tocantins


Polícia Civil

Suspeito de aplicar golpes pela internet é preso pela Polícia Civil em Xambioá


Refis 2019

Refis 2019 negocia cerca de R$ 48 mi em quatro dias; negociações se encerram neste domingo, 20


Coca-Cola

Com conceito “Juntos a Magia Acontece”, Coca-Cola dá Início à Campanha de Natal 2019


Interior

Polícia Civil desarticula ponto de venda de drogas e prende dois traficantes em Itacajá


Agropecuária

Controle de comercialização de vacinas em lojas agropecuárias passa a ser informatizado



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira