Tuesday, 24 de November de 2020

ESTADO


Artesanato

Bonecas de crochê confeccionadas por custodiadas da Unidade Penal de Lajeado serão doadas à crianças no Tocantins

14 Oct 2020
Divulgação Bonecas de crochê confeccionadas por custodiadas da Unidade Penal de Lajeado serão doadas à crianças no Tocantins

Aprender um ofício como forma de gerar renda e reinserção social, além de levar alegria às crianças. Com esse objetivo as custodiadas da Unidade Prisional Feminina (UPF) de Lajeado se empenharam e confeccionaram 32 bonecas de crochê que serão doadas a entidades que prestam assistência a crianças em situação de vulnerabilidade social. Diante dos bons resultados na primeira etapa da iniciativa, a demanda foi ampliada para que as reeducandas continuem desenvolvendo os trabalhos para atender crianças de outras comunidades pelo Tocantins.

Além das bonecas, as reeducandas também confeccionaram mascotes que foram batizadas com o nome de “Polvinha Lili”. Trata-se de uma homenagem das reeducandas à diretora da unidade, Lilian Moreira. De acordo com a gestora, o trabalho das custodiadas tem qualidade e emociona porque representa um gesto de carinho e reconhecimento. “O trabalho artesanal foi feito com matéria prima doada pela gestão da Casa de Prisão Provisória (CPP) de Palmas. Elas são muito talentosas e nossa intenção é que a produção continue pois sabemos que faz diferença no reingresso delas à sociedade”.

A reeducanda R.L ressaltou sua satisfação em integrar o grupo que confecciona as bonecas. Segundo ela, “tudo foi produzido com muita dedicação, carinho e atenção, imaginando o sorriso no rosto de cada criança que irá receber”, concluiu.

A fabricação das bonecas de crochê integra o Programa Novo Tempo, que visa atender as políticas de trabalho, renda, ressocialização e remição de pena.  Segundo o Superintendente dos Sistemas Penitenciário e Prisional (Sispen/TO), Orleanes Alves, a intenção é fortalecer as boas práticas fomentando atividades profissionalizantes dentro das unidades. “Iremos lançar um catálogo com as oficinas que serão desenvolvidas junto ao público carcerário, buscaremos parceiros e criaremos os galpões multiusos para fortalecer o trabalho”, disse.

Doações

É possível participar dos projetos desenvolvidos pelo Sistema Penal do Tocantins por meio de doações e parcerias. Para contribuir, basta entrar em contato com a Superintendência de Administração dos Sistemas Penitenciário e Prisional por meio do telefone 63 3218-6944 ou no e-mail: depento@seciju.to.gov.br. (Marcos Miranda). 

COMPARTILHE:


Confira também:




Segurança

Polícia Civil do Tocantins deflagra segunda fase da operação Rosetta contra membros de organização criminosa

Estão sendo cumpridos 22 mandados de prisão preventiva e 32 mandados de busca e apreensão em cidades do Tocantins, Rio Grande do Sul e São Paulo.


Visita

Governador em exercício recebe primeira militar do Tocantins a ser selecionada para Missão de Paz da ONU

Militar desde 2005, a capitã Louise destacou a importância do apoio que recebeu da PM


Saúde

Tocantins contabilizou 100 novos casos confirmados da Covid-19

Atualmente, o Tocantins contabiliza 250.785 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 79.612 casos confirmados. Destes, 72.208 pacientes estão recuperados 6.256 pacientes seguem em isolamento domiciliar ou hospitalar e 1.148 pacientes foram a óbito.


Neste domingo

Tocantins contabilizou 98 novos casos confirmados da Covid-19, sendo 31 das últimas 24h


Eleições 2020

Diplomação dos eleitos no Tocantins será realizada por videoconferência


Coletivo N.S.L.O.

Acordes e talentos dos quatro cantos do Brasil dialogam com público em live musical


Tocantins

Fórum Estadual de Mudanças Climáticas reúne titulares por videoconferência em sua 12ª Reunião Ordinária


Assembleia

Eduardo do Dertins assume interinamente a Presidência da Aleto


Aleto

Elenil questiona portaria que torna obrigatória vistoria para 1º emplacamento de carro zero km no Tocantins



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira