Monday, 21 de October de 2019

ESTADO


Casa da Mulher

Depois do abandono, atividades são retomadas

27 Aug 2008

Fundada em Palmas, no dia 8 de março de 1998, idealizada por Bernadete Ferreira, a Casa da Mulher 8 de Março sempre atuou em defesa dos direitos da mulher oferecendo acolhimento às mulheres em situação de vulnerabilidade, vítimas de violência, além de disponibilizar cursos de capacitação para desempregadas, por meio de palestras e desenvolvimento de projetos para a captação de recursos e voluntariado.

Mas, há aproximadamente 50 dias, a Casa da Mulher fechou suas portas. Segundo a atual diretoria, a Casa foi fechada para o período de “férias”, mas, aparentemente, a situação era de completo abandono. Durante a produção desta matéria e da investigação quanto ao que teria acontecido à Casa, a equipe do jornal O GIRASSOL conversou com moradores vizinhos à sede da instituição. A indignação era unânime. Uma vizinha, que não quis se identificar, comentou que a instituição já havia ajudado muitas mulheres, mas que, nos últimos anos, tudo era muito desorganizado. Segundo a fonte, pessoas acolhidas na Casa realizavam festas noturnas e gerava muito incômodo a toda a vizinhança, que pensou em se reunir para solicitar a retirada da Casa do local.

Em 2006, a diretoria da Casa da Mulher foi repassada para Poliana Santos Lima, devido ao fato de Bernadete ter mudado de Palmas. Mesmo em suas idas e vindas, Bernadete nunca deixou de apoiar e auxiliar na elaboração de projetos para a iniciativa. Ainda assim, de lá pra cá, a falta de recursos tornou-se cada vez maior. Este, aliás, é o principal problema apontado tanto por Bernadete, como por Poliana. “A Casa é sustentada por recursos que recebemos através de projetos e pelo fato desses recursos estarem escassos, precisei me dedicar a outras coisas fora da instituição”, justifica Poliana.

Hoje, segundo Poliana, a Casa da Mulher recebe apoio apenas da Loja Maçônica e algumas doações do projeto Mesa Brasil. Poliana está entregando o cargo de diretora, em uma Assembléia que será realizada no próximo dia 30. O abandono da Casa gerou preocupação na idealizadora e fundadora da instituição, Bernadete Ferreira, que, mais uma vez, decidiu arregaçar as mangas e tomar a frente do trabalho. “Dez anos de trabalho e dedicação não poderiam acabar assim”, ressalta Bernadete.

Os interessados em colaborar com a Casa da Mulher 8 de Março devem ligar para o telefone 3224-2002, para obter mais informações.

COMPARTILHE:


Confira também:


Economia

Governador destaca mineração como fator de desenvolvimento econômico e geração de empregos

Declaração do Chefe do Executivo ocorreu durante leilão da jazida de minério de Palmeirópolis, nesta segunda-feira, 21, no Rio de Janeiro. Expectativa é que dois mil empregos sejam gerados com a instalação no empreendimento

Economia

Comércio puxa recuperação na oferta de vagas de emprego no estado

Ainda sobre o Caged, setembro mostra que Araguaína foi a cidade com maior variação negativa (-139 vagas) e Porto Nacional com variação positiva (167 vagas). A capital Palmas registrou uma variação de – 42 vagas.



Legislativo Municipal

Câmara de Palmas funcionará em novo endereço a partir de 2020

A estrutura da 104 Norte tem área total edificada de 5.065,55 metros quadrados, contra os 4.300 m² do prédio atual, localizado na Teotônio Segurado.


Saúde Animal

Seu Pet pode ser um doador de sangue

Programa de Extensão do Hospital Veterinário do Ceulp/Ulbra organiza cadastro de pets doadores


GOTE

Suspeito de cometer crime de coação é preso pela Polícia Civil no Norte do Estado

O suspeito é alvo de investigações em curso na cidade de Araguanã, foi alvo de busca domiciliar através de força-tarefa realizada por agentes de várias Delegacias de Polícia e também do GOTE.


Educação superior

Universidade Estadual prorroga inscrições para Vestibular 2020/1 até 7 de novembro


Porto Cereais

Governo do Estado avalia concessão de benefícios fiscais para empresa que exporta feijão para China e Índia


AL

Presidente da ATS deve ser convidado a prestar esclarecimentos


TJTO

“Tudo funciona melhor quando nos colocamos na posição de ouvinte”, destaca o presidente do TJ ao abrir seminário


IEES

Semana de fisioterapia do HGP destaca avanços e atualiza profissionais


IFTO

Elenil apoia projeto do IFTO que vai levar cursos técnicos aos 139 municípios do Tocantins



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira