Tuesday, 25 de February de 2020

ESTADO


Música

E tudo começa com uma banda de baile

19 Nov 2008

Elas estão espalhadas por todo o país, seja em festas de formaturas, casamentos ou eventos corporativos. As bandas de baile encantam e levam o público ao delírio. Uma estrutura com balé, iluminação e a eloqüência da guitarra nos mais diversos acordes, formam o cenário categórico dessas bandas. O contato direto com o público e a interação entre o grupo faz o perfil de sucesso no segmento musical.

Em Palmas, diversos grupos firmaram os pés no Estado e já estão colhendo frutos do sucesso. Consagrados em criatividade, originalidade e animação, a banda Liberou Geral já está chegando aos 10 anos de carreira e é um exemplo nato desse trabalho. Michaela Almeida, Evandro Valadão e Ricardo Fé, estão entre os 22 profissionais da banda que já encantaram boa parte do país.

Com um repertorio eclético, a banda se orgulha de ter tocado em várias regiões do país. Mato-Grosso, Pará, Goiás e o interior do Tocantins foram testemunhas do registro histórico da banda e do público vibrante que sempre está presente aos shows da Liberou Geral. Idelma Freitas, empresária do grupo, diz que o sucesso “da Liberou partiu do gosto popular”. “Nós tínhamos que cantar aquilo que o povo gostava de ouvir”, frisou a empresária, ao contar a trajetória da banda.

“Ivan e Evandro”, assim iniciou os primeiros passos para a carreira do grupo que ganharia o gosto dos tocantinenses. "A idéia (de formar a banda) era unir vários segmentos musicais num só repertório. Daí surgiu a Liberou Geral”, explica Idelma. A banda que galgou o sucesso após a estréia da dupla, conta agora com uma equipe de profissionais preparados para encantar os quatro cantos do país.

“O palco é uma grande escola”, diz a empresária, ao explanar sobre os alicerces que sustentam a aceitação da banda e as agendas lotadas. Para ela, toda e qualquer banda de baile tem que seguir o ritmo do público. “É ali (no show) que a gente sabe se a banda está agradando. Eu considero a pista como um termômetro”, diz.

 

 

Agenda lotada marca o mês de novembro

Dia 14 de novembro a Banda realizou o coquetel de encerramento do 1º encontro da UNALE no Tocantins, no Crystal Hall. O evento contou com a presença de grandes autoridades do Estado.

Dia 15 de novembro, a mais de 800 km de Palmas, realizaram o “Baile Doce Novembro”, no clube Doce Norte. Trata-se da confraternização dos servidores da Cia. Vale do Rio Doce e toda a sociedade da Serra dos Carajás/PA. Esta foi mais uma grande oportunidade para a Banda mostrar um pouco mais de seu trabalho, sendo a 10ª vez que o grupo vai a Serra dos Carajás - PA e Parauapebas - PA.

Evandro Valadão diz ser um grande apreciador de tudo o que se tem oportunidade de ter contato e conhecer nestas ocasiões: os trajes típicos, nos shows regionais, que já tiveram a oportunidade de assistir, a comida regional e o “intercâmbio cultural, que é muito importante para todos nós integrantes da Banda”, pontua.

COMPARTILHE:


Confira também:


É festa!!!

Turismo durante o carnaval deve movimentar R$ 8 bi na economia

Pelo menos 36 milhões de brasileiros devem curtir a festa

Palmas

Programação do ‘Carnaval do Amor’ resgata memória afetiva com clássicos do forró

Participação especial e última atração da noite, a dupla ‘Alex e Matielo’ que além de levar ao público o sertanejo universitário, estilo carro-chefe de trabalho, eles também diversificaram seu repertório com o samba, brega funk e o forró.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira