Tuesday, 25 de February de 2020

ESTADO


Livro “José Athanási

Eternas relações entre filhos e pais

06 May 2009

O precioso e curto livro “José Athanásio, Meu Pai” (Editora Miranete), de apenas 41 páginas, sendo 21 delas dedicadas ao álbum do personagem, relata a biografia de José Athanásio pela perspectiva de seu filho e autor da obra, o escritor catarinense e membro correspondente da Academia Gurupiense de Letras, Enéas Athanázio. Na obra, Enéas faz um relato da descendência e história de seu pai, um homem que, apesar das dificuldades, formou-se em medicina no Rio de Janeiro, retornando à terra natal, Campos Novos, Santa Catarina. Ali, José exerceu a profissão atendendo em sua própria residência, onde funciona, até os dias de hoje, o Hospital Dr. José Athanásio. Bem sucedido em sua carreira, José vivia cercado de amigos e, em seu velório, acompanhado por toda a população, recebeu saudosas homenagens.

A obra, com uma narrativa embasada nas emoções e admiração do filho para com seu pai, desperta o interesse de pessoas que carregam a mesma admiração pelo médico e amigo José Athanásio e que, de uma forma ou de outra, fizeram parte de sua vida.

As obras que lançam mão da relação de pai e filho, com fortes traços biográficos, como neste caso, apesar de serem temas antigos, fazem parte de um acervo e um apelo inesgotável, já que traduzem emoções e sentimentos comuns, registrando momentos históricos e que, de certa forma, marcaram a vida de seus personagens. Outro exemplo é o da obra de Cristóvão Tezza, em “O Filho Eterno”, classificado como romance e julgado pelos críticos como autobiografia ou até mesmo uma ‘reportagem como peça do novo jornalismo’, um dos livros mais vendidos atualmente no País. Nos dois casos, não há como ficar alheio à construção histórica e, do começo ao fim, se emocionar com a narrativa.

COMPARTILHE:


Confira também:


É festa!!!

Turismo durante o carnaval deve movimentar R$ 8 bi na economia

Pelo menos 36 milhões de brasileiros devem curtir a festa

Palmas

Programação do ‘Carnaval do Amor’ resgata memória afetiva com clássicos do forró

Participação especial e última atração da noite, a dupla ‘Alex e Matielo’ que além de levar ao público o sertanejo universitário, estilo carro-chefe de trabalho, eles também diversificaram seu repertório com o samba, brega funk e o forró.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira