Tuesday, 19 de March de 2019

ESTADO


Meio Ambiente

Governo conduz elaboração da proposta do Zoneamento Ecológico Econômico do Estado do Tocantins

12 Jun 2018    17:41    alterado em 12/06 às 17:41
Elson Dias/Governo do Tocantins Governo conduz elaboração da proposta do Zoneamento Ecológico Econômico do Estado do Tocantins A Reunião Temática desta terça-feira teve o foco nas ações ambientais. Nas próximas, serão voltadas aos serviços de economia e infraestrutura, em seguida, área do agronegócio.

O Tocantins é um estado marcado por inúmeros recursos naturais, que refletem também na economia. Pensando nisso e em outros critérios, o Governo do Estado está conduzindo a elaboração do Zoneamento Ecológico Econômico (ZEE). Na construção desse instrumento de planejamento territorial, estão sendo realizadas Reuniões Temáticas com o objetivo de receber contribuições da sociedade nas questões que envolvem os recursos naturais, o planejamento do uso das paisagens e gestão territorial no Estado.
 
Os eventos técnicos ocorrem nesta terça-feira, 12, durante todo o dia, na Secretaria de Estado do Planejamento e Orçamento (Seplan), e continuam nos dias 14 e 15 de junho, de forma setorizada, englobando os segmentos de meio ambiente, agronegócio, desenvolvimento econômico e infraestrutura.
 
Nesta manhã, a Reunião Temática foi com a área ambiental. Os técnicos da Seplan apresentaram a proposta do Plano de Zoneamento e o cronograma de trabalho. Valmir Augusto Detzel, coordenador-geral do projeto de Zoneamento Ecológico Econômico, falou sobre os objetivos do plano, que envolve a participação da sociedade. "O objetivo principal é dar oportunidade de discussão sobre a proposta do Plano de Zoneamento e a proposta do Plano de Ação". Além disso, o coordenador também apontou o que é o projeto na prática. "O ZEE é uma das principais ferramentas de organização. Na prática, é como o Estado organiza o território e como que ele define um conjunto de ações, que auxilia o município e a sociedade a ter um Estado melhor. O Zoneamento estabelece linhas de organização do território, que contemplam a proteção ambiental e o desenvolvimento econômico. Essas linhas servem de base para que os municípios estabeleçam as suas voltadas à sociedade", completou Valmir Detzel.
 
A Reunião Temática desta terça-feira teve o foco nas ações ambientais. Nas próximas, serão voltadas aos serviços de economia e infraestrutura, em seguida, área do agronegócio. De acordo com o coordenador do ZEE no Tocantins, a base da reunião é a mesma e cada dia será focado em grupos diferentes. "Teremos ainda reuniões com os grupos indígenas em julho, com o propósito de disseminar informações sobre o ZEE no Tocantins e coletar subsídios à elaboração do Plano". As Reuniões Técnicas continuam no período da tarde, na Seplan, com apresentação em plenária para estruturação de discussões com o grupo de interesse do dia; trabalhos em plenária para coleta de subsídios ao ZEE-TO e ao Plano de Ação. Às 17 horas, está previsto o encerramento das atividades do dia.
 
Zoneamento Ecológico Econômico

O ZEE é  um instrumento de organização do território a ser obrigatoriamente seguido na implantação de planos, obras e atividades públicas e privadas e estabelece medidas e padrões de proteção ambiental, garantindo o desenvolvimento sustentável e a melhoria das condições de vida da população (Decreto Federal n° 4.297/2002)
 
No Tocantins, as atividades foram iniciadas em meados de 2015 e devem ser concluídas no fim de 2018. O acompanhamento técnico das atividades está a cargo da Seplan, com apoio técnico e institucional de servidores de diversas áreas da Secretaria. A execução ocorre pelo consórcio Senografia - Detzel - Hardt, contratado por meio do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS).
 
Todos os produtos gerados no processo de elaboração do Zoneamento Ecológico-Econômico do Tocantins estão disponíveis para consulta na internet, por meio do endereço https://zee.seplan.to.gov.br

COMPARTILHE:


Confira também:


Imbróglio

PGR pede informações sobre dinheiro depositado em conta da Lava Jato

Em nota à imprensa, após a decisão do ministro, a força-tarefa da Lava Jato disse que pediu a suspensão do fundo antes mesmo do pedido feito por Raquel Dodge ao STF.

Ocorrência

Polícia Civil prende dois suspeitos de tráfico de drogas no interior do Estado

Os policiais civis também cumpriram mandado de busca e apreensão na residência de M.T.C, sendo que, no local, foram encontrados uma balança de precisão e um aparelho celular.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira