Friday, 10 de April de 2020

ESTADO


Incentivo

Palacinho tem portas abertas para artistas tocantinenses

30 Jun 2014

Um dos importantes pontos de concentração da história tocantinense, o Museu Histórico do Tocantins - Palacinho abriga, entre outros itens, artigos do período da separação do norte goiano e criação do Estado do Tocantins. Nas paredes de madeira da primeira sede do Executivo estadual em Palmas, ainda é possível contemplar um pouco da produção artística do Tocantins no Hall de Exposições, localizado no segundo piso do museu. Desde o início do ano, o Palacinho já recebeu cinco mostras mensais, abordando os mais diferentes tipos de arte e estilo.
 
De acordo com o coordenador do Museu Histórico do Tocantins, Anderson Fonseca, o Hall é um espaço aberto para que artistas tocantinenses exponham seus trabalhos. Ali, conforme Fonseca, podem ser expostas obras fotográficas, pinturas em tela, objetos históricos, peças confeccionadas em material reciclável e curiosidades sobre o Estado do Tocantins. “O espaço é aberto para as iniciativas culturais, para que o artista possa expressar o seu trabalho”, frisou.
 
Para o gestor, a junção de arte e cultura em um só espaço fortalece a propagação do conhecimento, principalmente entre as crianças que visitam o local. “Nós recebemos muitas caravanas de escolas que têm a oportunidade de conhecer a história do Tocantins e o trabalho dos nossos artistas”, disse.
 
Desde o início do ano, o Palacinho recebeu cinco exposições neste espaço. O sociólogo e antropólogo, Joel de Assis, é um dos artistas que aproveitaram o espaço para mostrar o trabalho. A mostra “Arte Minimalista” ressalta uma série de formas e cores em peças construídas com base na técnica do minimalismo. “A arte Minimalista tem características como cores e formas primárias, com a utilização de figuras geométricas simples repetidas simetricamente, privilegiando o mínimo de recursos e elementos”, resumiu o artista.
 
Atividades
Além das obras que ficam à disposição do público no Hall de Exposições, o Museu Histórico do Tocantins ainda conta com uma série de atividades para chamar a atenção da comunidade. Entre elas, estão o Luau do Palacinho, evento que conta com um palco aberto para músicos, atores e demais artistas apresentarem seu trabalho em noites de lua cheia; além do Café Literário, que promove o encontro entre escritores e estudantes para debaterem estilos e obras de literatura. “A gente promove esta série de atividades para manter o museu vivo. Quando nós fazemos a programação, as pessoas vêm ao museu”, destacou o coordenador do espaço.
 
Contato
O Hall de Exposições do Museu Histórico do Tocantins é um espaço aberto para os artistas do estado. As exposições são mensais e podem ser agendadas junto à coordenação do museu pelo telefone (63) 3218-3318. “Quem quiser utilizar o espaço para qualquer tipo de intervenção artística cultural pode entrar em contar e agendar uma exposição”, reforçou Anderson Fonseca.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Grau de fiscalização dos decretos Municipais é determinante para evitar possíveis contágios no Tocantins, diz ATM

Prefeituras devem promover forças-tarefa de fiscalização para orientar população sobre isolamento social e monitorar atendimentos no comércio


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira