Friday, 30 de October de 2020

ESTADO


Sanidade

Segunda fase da vacinação contra febre aftosa ocorrerá de 1º a 30 de novembro

14 Oct 2019
Lenito Abreu Segunda fase da vacinação contra febre aftosa ocorrerá de 1º a 30 de novembro

Faltam 15 dias para o início da segunda etapa anual da campanha de vacinação contra febre aftosa no território tocantinense, os produtores rurais devem vacinar cerca de 4 milhões de bovídeos (bovinos e bubalinos), entre os dias 1º e 30 de novembro. Assim como a vacinação, a comprovação também é obrigatória e deverá ser realizada nas unidades da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) até 10 dias após a compra da vacina.

Nesta fase somente os animais com até 24 meses de idade, declarados em maio, deverão ser vacinados. “Para fazer a declaração, o produtor rural deverá apresentar a nota fiscal da vacina e a carta-aviso preenchida com dados do rebanho, a medida visa o controle sanitário e a atualização cadastral, já que todos os animais devem receber a dose da vacina”, disse o responsável pelo Programa Estadual de Erradicação da Febre Aftosa, João Eduardo Pires, acrescentando que, desde maio deste ano, a dose do produto é de 2 ml por animal.

De acordo com o presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha, é preciso o comprometimento de todos os pecuaristas para o Estado continuar alcançando altos índices vacinais, que resultará no avanço sanitário para zona livre da doença sem vacinação, previsto pra ocorrer em 2021. “Temos que continuar vacinando o rebanho rigorosamente para demonstrarmos eficácia na sanidade, principalmente, nesse momento que trabalhamos as estratégias para transição de status, que será um grande passo na economia”, disse.


Multas

A multa para quem deixar de vacinar é R$ 5,32 por animal e R$ 127,69 por propriedade não declarada. É preciso ficar atento, pois a emissão da Guia de Trânsito Animal (e-GTA), documento obrigatório para movimentação dos animais, está condicionada a comprovação da vacinação.


Orientações

ü  A dose da vacina é de 2ml por animal, a manutenção da temperatura do produto é fundamental, deve ser preservada na caixa de isopor com gelo até o momento da aplicação;

ü  A aplicação deve ser feita na “tábua do pescoço”, e à sombra;

ü  Na compra da vacina, verificar se ela está conservada em refrigeração e temperaturas adequadas, entre 2° e 8°C;

            ü  Verificar o prazo de validade do produto no ato da compra

COMPARTILHE:


Confira também:


Eleições 2020

Otoniel participa de debate realizado por acadêmicos da UFT nesta sexta-feira

Segundo os organizadores, o objetivo é oportunizar aos postulantes ao Paço municipal um espaço democrático para o debate de ideias e propostas para áreas fundamentais, como moradia, saúde, educação, geração de empregos e renda entre outras.


Campo

Governo trabalha na implantação de Unidade de Pesquisa e Extensão Rural do Tocantins

Unidade ocupará área de 28 ha, com a instalação de mais de 20 projetos de pesquisas voltado aos produtores rurais para replicação em suas propriedades


Meio Ambiente

Vice-governador Wanderlei Barbosa reforça compromisso do Tocantins com a preservação de seus biomas

As ações foram destacadas no I Encontro Internacional de Governadores pelo Clima


Meio Ambiente

Naturatins autua BRK Ambiental em mais de 8 milhões de reais por poluição ambiental


Região Central

Em Lajeado, Polícia Civil prende em flagrante suspeitos de roubo e estupro


22º BI

22º Batalhão de Infantaria do Exército Brasileiro comemora 25 anos de criação


Aleto

CCJ da Assembleia Legislativa analisa projetos para pandemia


Aleto

Projeto de Lei do deputado Valdemar Júnior cria Semana Estadual de Conscientização, proteção e orientação sobre a Síndrome de Rett


GT

Grupo de Trabalho-Terminais debate projeto de Concessão dos Terminais Rodoviários do Estado



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira