Friday, 17 de August de 2018

Friday, 17 de August de 2018

ESTADO


Pará

Tocantins participa de reunião sobre a mosca da carambola no Pará

25 Apr 2018    21:15
Lenito Abreu Tocantins participa de reunião sobre a mosca da carambola no Pará

O Tocantins está livre da mosca da carambola (Bactrocera carambolae), mas por fazer divisa com o estado do Pará, onde em algumas regiões foi identificada a praga, a Agência de Defesa Agropecuária foi convidada a participar da Capacitação Técnica do Programa da Mosca da Carambola, no dia 26 de abril, em Marabá-PA. O objetivo é discutir o contexto internacional da Defesa Sanitária Vegetal para prevenção e erradicação da praga, que é uma das espécies de moscas-das-frutas, que pode causar grandes prejuízos econômicos à fruticultura.

A praga quarentenária ataca várias espécies frutíferas, a exemplo da carambola, manga, caju, citrus, cajá, laranja, entre outras, reduzindo a produção. No Tocantins, está sendo realizado um levantamento de detecção da praga com uso de 100 armadilhas, em área com maior risco: polos de fruticultura, Ceasa, rodoviários. Além disso, foi intensificada a fiscalização de trânsito, principalmente na divisa com o Pará, visando à atuação preventiva, para evitar que a praga entre território tocantinense.

É proibido o transporte e o comércio de frutos de hospedeiros de regiões infectadas para locais livres da praga. Portanto, com a identificação da praga no Pará, o Tocantins passa a ser considerado alto risco, o que significa que suas ações de prevenção devem ser redobradas. Mas, não causa restrições comerciais ao Estado.

“Neste contexto o curso é uma grande oportunidade de conhecermos as atividades que estão sendo desenvolvidas por aquele Estado no controle e combate a praga, é mais conhecimento para melhorarmos o Programa de moscas-das-frutas e retransmitirmos conhecimento aos nossos técnicos e produtores rurais”, ressalta o responsável técnico pelo Programa de Fruticultura da Adapec, Lenito Abreu.

Na programação da capacitação, entre os principais temas estão: Ações de Prevenção e Métodos de Controle, Tipos de Armadilhas, Levantamento e Mapeamento da Praga em condições de Campo, Legislação específica e aula prática sobre o reconhecimento das pragas, amostragem de frutos, entre outros. Ao final, será feita uma avaliação com os participantes.

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a mosca da carambola está presente no estado do Amapá e em algumas localidades de Roraima. Focos da praga ocorrem esporadicamente no Pará. A praga é quarentenária para o Brasil e representa a principal ameaça à fruticultura brasileira.

As armadilhas, que contêm feromônio, capturam a mosca; todo o material para o armadilhamento (armadilha, piso adesivo, ganchos, cestos e feromônio atrativo) é fornecido pelo Mapa, por meio do Programa Nacional da Mosca da Carambola.

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

29

PARABÉNS!
PARABÉNS!

28

BOM
BOM

31

AMEI!
AMEI!

36

KKKK
KKKK

30

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

25

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

29

CREDO!
CREDO!

Leia por assunto:

Mosca da Carambola Tocantins Praga

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Ataídes

Ministério Público Eleitoral impugna candidatura de Ataídes de Oliveira

Candidato ao Senado foi condenado por órgão colegiado

Ocorrência

Polícia Civil prende mais um acusado de tráfico de drogas no interior do Estado

De acordo com o Delegado José Lucas Mello, Edinei já estava sendo investigado há dois meses por suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas




  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira