Saturday, 16 de November de 2019

GERAL


Legislativo Municipal

Câmara de Palmas funcionará em novo endereço a partir de 2020

21 Oct 2019    11:56
Divulgação Câmara de Palmas funcionará em novo endereço a partir de 2020

Visando atender a população, servidores e parlamentares, como também, se adequar à decisão judicial, a Câmara de Palmas mudará de endereço. O Diário Oficial do Município, de 13/09, trouxe o extrato de contrato do novo prédio, que funcionará no centro da Capital, na quadra 104 Norte, a partir de fevereiro do ano que vem e, ao menos até janeiro de 2025.

A estrutura da 104 Norte tem área total edificada de 5.065,55 metros quadrados, contra os 4.300 m² do prédio atual, localizado na Teotônio Segurado. Readequações estão sendo realizadas para abrigar os vereadores, como a construção do Plenário, de um auditório e gabinetes. Ressalta-se que, todas as readequações estão sendo operacionalizadas pelo proprietário do imóvel, sem ônus algum para a Casa de Leis. A nova estrutura custará R$ 120 mil mensais, R$ 26 mil a mais do que a atual. Em contra-partida, apesar do aluguel mais oneroso, a Câmara terá melhor custo-benefício, entre os quais, placas de energia solar que, naturalmente diminuirão o custo com energia elétrica, como também pela localização e pela maior área construída do prédio.

O aluguel do imóvel é viabilizado pela dispensa de licitação, garantida pela Lei nº 8666/93, art. 24, inciso X, desde que haja laudos técnicos e avaliações que comprovem que o valor do m² é compatível com o preço praticado pelo mercado. Este requisito foi preenchido pelo parlamento, considerando que, atualmente, a Casa de Leis gasta R$ 21,35 por m² na sede na Teotônio Segurado, contra R$ 23,69 do futuro prédio no centro da Capital. Tal valor está abaixo do preço de mercado, apontado pelos laudos técnicos avaliatórios, anexados à Portaria nº. 188 de 2019, que considerou que o m², varia entre R$ 30,00 a 33,60, no centro da capital.

Além da melhor localização – aproximadamente 200 metros da Praça dos Girassóis – e custo-benefício, a mudança da Câmara de Palmas também se deve por uma questão de segurança jurídica. Isto porque o proprietário do prédio onde atualmente está a Casa é o ex-prefeito de Silvanópolis, Paschoal Baylon das Graças Pedreira, que foi condenado em primeira instância pela Justiça, por improbidade administrativa. Uma das penas atribuídas ao atual locador é a proibição de contratar com o Poder Público e, também, indisponibilidade de bens. O processo tramita no Tribunal de Justiça – TJTO, contudo, o presidente da Câmara, Marilon Barbosa (PSB), já foi notificado da decisão judicial.

COMPARTILHE:


Confira também:


Atenção

Energisa reforça orientações de segurança em caso de temporais

Em 50 dias, mais de 400 postes foram derrubados por eventos climáticos severos no Tocantins

Serviço

Governo, por meio do Sine, orienta trabalhadores para habilitar a Carteira de Trabalho Digital

Para acessar a Carteira de Trabalho Digital é necessário obter a senha de acesso no Acesso.gov.br. Para aqueles que não possuem a senha, poderão adquiri-la através do Aplicativo da CTPS Digital, ou clicando no link a seguir Acesso.gov.br




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira