Wednesday, 24 de July de 2019

GERAL


Saúde

Defensoria participa de nova plenária do CRM-TO sobre a saúde pública tocantinense

11 Mar 2019    14:51
Divulgação Defensoria participa de nova plenária do CRM-TO sobre a saúde pública tocantinense

Coordenador do Núcleo Especializado em Defesa da Saúde (Nusa) da Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO), o defensor público Arthur Luiz Pádua Marques, participou de uma nova sessão plenária realizada pelo Conselho Regional de Medicina do Estado do Tocantins (CRM-TO) com o objetivo de discutir a atual conjuntura da saúde pública tocantinense. A atividade aconteceu nesta sexta-feira, 8, na sede do Conselho, em Palmas, reunindo médicos especialistas que atuam em diferentes unidades hospitalares públicas de várias regiões tocantinenses.

Durante a reunião, regida pelo presidente do CRM-TO, Jorge Pereira Guardiola, os médicos presentes apresentaram alguns pontos críticos que têm levado o sistema público de saúde tocantinense a um funcionamento inadequado, o que reflete, diretamente, na má qualidade de atendimento que chega à população que necessita do Sistema Único de Saúde (SUS) em caso de doenças ou acidentes. Dentre algumas problemáticas expostas, se destacam o sucateamento das unidades hospitalares, a falta de equipamentos e medicamentos e a necessidade de ampliação do quadro de médicos especialistas.

De acordo com o Arthur Pádua, este diálogo aberto entre a Defensoria Pública e o CRM-TO é muito importante para a otimização das ações em prol da população, afinal, segundo, o defensor público, a relação da Defensoria com os médicos tem o mesmo objetivo: garantir a oferta de serviços de saúde de forma efetiva e continua.

“A Defensoria e os médicos não estão e nunca estiveram em lados opostos. Muito pelo contrário, a parceria com cada profissional médico é fundamental nesse processo. Nós reconhecemos que estes profissionais trabalham em uma estrutura caótica, pois vivemos nos hospitais realizando vistorias e os próprios médicos nos passam muitas informações importantes sobre carências da saúde no Estado, o que torna o nosso relacionamento positivo na promoção de ações pontuais, que visam garantir o direito à saúde pública de qualidade para os usuários do SUS. A partir desta parceria, a Defensoria é constantemente municiada de dados que podem ser usados para fundamentar ações judiciais favoráveis aos cidadãos tocantinenses”, destacou o coordenador do Nusa, reforçando que a Defensoria se encontra aberta a novas parcerias com outros conselhos profissionais relacionados à saúde.

Ainda segundo Arthur Pádua, a DPE-TO, por meio do Nusa, tem sido bastante atuante na busca pela regularização da saúde pública em todas as regiões do Tocantins.

“Atualmente, nós temos 37 Ações Civis Públicas em andamento que buscam garantir as adequadas prestações de atendimentos médico-hospitalares aos usuários do SUS. Só nas últimas semanas, por meio de ações que contaram com a participação ativa da Defensoria, a Justiça bloqueou R$ 3,5 milhões do Governo do Estado para o fornecimento de medicamentos oncológicos e para regularizar o abastecimento de medicamentos, materiais e insumos de 17 hospitais públicos da rede estadual. É preciso deixar claro que nós, da Defensoria, do Nusa, não temos paixão por cobrar ou punir o Estado; nossa motivação é, sim, diariamente, lutar para cuidar da vida daqueles que precisam da nossa assistência”, enfatizou o Defensor Público. (Ascom).

COMPARTILHE:


Confira também:


TRE-TO

Partidos Políticos têm 30 dias para informar CNJP à Justiça Eleitoral

No Tocantins, conforme informações da Secretaria Judiciária e de Gestão da Informação do TRE-TO, 29 partidos estão em situação irregular por não terem realizado o cadastro de seus diretórios municipais ou regularizado o Código de Natureza junto ao CNPJ

Queda de Braços

Prefeita Cinthia Ribeiro ataca Palácio Araguaia e governo libera servidora para assumir pasta da educação

Mesmo liberando a servidora Cleizenir Divina dos Santos para assumir a educação do município governo não demonstra interesse em participar da gestão Cinthia.



Pedro Afonso

Após recorde de soja, Coapa registra produção histórica no recebimento do milho safrinha

O presidente da Coapa aproveitou para parabenizar a equipe de colaboradores pela dedicação no atendimento aos produtores e por garantir um bom resultado na safra.


Fórum

Banco não dá baixa em alienação fiduciária de veículo, quitado há 3 anos, e terá que indenizar consumidor em R$ 15 mil por danos morais

Em sua defesa, a instituição bancária alegou que a baixa da alienação já havia sido feita, mas o magistrado entendeu que ficou configurado o ato ilícito praticado pelo banco, pois não existem documentos que comprovem essa efetivação


Miracema

Miracaxi mantém tradição e agrada público local e turistas

O evento foi reforçado com segurança particular especializada, detector de metais, câmeras de monitoramento da PM e do município, policiamento militar, civil, força tática e Corpo de Bombeiros.


Hospital de Amor

Ao completar 10 anos, Leilão Pecuária Solidária volta a Palmas: edição deste ano será dia 9 de novembro


Poluição

Aceiros realizados pela Seder no Parque Estadual do Lajeado auxiliam no combate às queimadas


Palmas

Divulgado resultado preliminar dos projetos classificados para concorrerem ao Edital do Itaú Social 2019


Turismo

Taquaruçu merece um olhar especial por parte das gestões públicas


Defensoria

Dados apontam que 81,6% das pessoas atendidas pela Defensoria Pública vivem com até um salário mínimo


Seciju

Ações contra violações de direitos são realizadas em praias do estado



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira