Friday, 20 de September de 2019

GERAL


Orçamento 2010

Governador pede agilidade aos deputados

18 Nov 2009

Acelerar o processo de votação da Lei Orçamentária Anual – LOA. Este foi o principal motivo da reunião do governador do Estado, Carlos Henrique Gaguim, com os parlamentares na manhã da última terça-feira, 17. O encontro aconteceu a portas fechadas na sala da Presidência da Assembléia Legislativa.

De acordo o presidente da AL, Junior Coimbra (PMDB), os deputados devem atender à solicitação do governador, agilizando a tramitação da LOA. “Eu tinha a previsão de apreciar o projeto de Lei Orçamentária na véspera do Natal, na sessão do dia 21 ou 22, mas o nosso governador veio conversar conosco pedindo pressa na aprovação do orçamento. Quero ver se antes do final da primeira quinzena do mês de dezembro a gente já esteja com o orçamento aprovado”, frisou o presidente da AL.

A pressa, destacou Júnior Coimbra, justifica-se pela necessidade de se iniciar a execução do orçamento já nos primeiros dias de 2010, acelerando as obras e os projetos que o Estado precisa para seu desenvolvimento.

Além das ações já citadas no orçamento, o presidente da Assembléia destacou que a LOA também prevê as emendas parlamentares, com cerca de R$ 2,5 milhões para serem investidos em infra-estrutura, saúde, educação e outros segmentos nos municípios.

“Esse é um dos motivos da pressa da aprovação do orçamento, pois as emendas especificadas serão aplicadas nos municípios e sendo aprovadas logo dará tempo aos prefeitos de prepararem os seus projetos para que essas obras sejam iniciadas logo no mês de janeiro”, concluiu Coimbra.

 

Orçamento/2010

O Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA), que estima receita e fixa despesa para o exercício financeiro de 2010, foi lido no expediente da sessão da última terça-feira, 17, e encaminhado para a Comissão de Finanças, Fiscalização, Tributação e Controle. Agora, a matéria aguarda a nomeação do relator.

A proposta tem oito dias para receber emendas e até 15 para ser votada na Comissão de Finanças. Depois segue para o Plenário para turno único de votação.

A receita total estimada no Orçamento é de R$5.723.914.129,00, sendo 153.014.822,00 para o Poder Legislativo, ficando R$93.079.968,00, para a Assembléia Legislativa e R$59.934.854,00, para o Tribunal de Contas. Ao Poder Judiciário é previsto o montante de R$182.751.066,00, com a destinação de R$88.061.169,00 ao Ministério Público e à Defensoria Pública, R$26.969.792,00.

O Executivo fica com a maior fatia dos recursos, R$ 3.155.445.278,00, para ser distribuido entre os órgãos da administração direta e indireta, fundações e autarquias. (com informações da ASCOM/AL)

COMPARTILHE:


Confira também:


Municípios

ATM fará três eventos técnicos com CNM, FNDE e SUDAM

O presidente da ATM e prefeito de Pedro Afonso, Jairo Mariano, convoca os gestores municipais das referidas áreas a participarem dos encontros.

Agenda

Em Brasília, parlamentares do Tocantins buscam recursos para obras

Para o Delegado Rérisson as reuniões foram bastante positivas.


Seu Bolso

Energisa prorroga campanha para negociação de dívidas

Clientes terão condições especiais para negociar débitos


Premiação

Nota Quente paga R$ 10.935,88 neste sábado, 21

O programa Nota Quente Palmense realiza sorteios mensais de R$ 10 mil e dois sorteios semestrais de R$ 50 mil, sendo um no mês de maio e outro no mês de outubro, além do grande sorteio anual, de R$ 200 mil, realizado em dezembro.


Saúde

Profissionais de saúde alertam sobre cuidados com as altas temperaturas na Capital


Drogas

Polícia Civil prende quatro traficantes e apreende mais de 30kg de maconha em Gurupi


Honraria

Participante de programa do Instituto TIM vence prêmio global da ONU


Agrotóxicos

Assembleia debate uso de agrotóxico em audiência proposta por Zé Roberto Lula


Economia

Endividamento atinge mais de 68% dos palmenses em agosto


Vestibular

Inscrições abertas para o Vestibular da Unitins



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira