Sunday, 09 de August de 2020

GERAL


Economia

Intenção de consumo das famílias de Palmas cai novamente em junho

03 Jul 2020

Novos hábitos foram criados com esta pandemia e um deles pelo visto, é a diminuição no consumo, seja por escolha ou por falta de renda. Como revela a pesquisa que mede a intenção de consumo das famílias palmenses (ICF) de junho que mostrou uma queda de 5,2 pontos comparado a maio, registrando uma variação mensal negativa de -5,6%.

Dentre os itens de maior variação negativa, estão a perspectiva de consumo (-12,6%) e a renda atual (-9,7%). Somente o item “momento para duráveis” que versa sobre o momento ideal para aquisição de bens duráveis obteve variação positiva este mês (2%).

Sobre o consumo especificamente, 59,6% dos entrevistados acham que estão comprando menos que no ano passado e 45,9% acreditam que o consumo nos próximos meses tende a ser menor que no ano passado.

Outro dado importante levantado pela pesquisa é que 74,9% consideram que o acesso ao crédito está mais difícil. De acordo com o presidente do Sistema Fecomércio Tocantins, Itelvino Pisoni, este dado revela de fato a realidade atual. “O acesso ao crédito está difícil tanto para os consumidores quanto para as empresas. Muito disso se deve porque as instituições bancárias precisam de garantias e trabalham com base em dados e projeções e com a pandemia, isto está se tornando quase que impossível, pois não há como prever os impactos. E isso dificulta e muito a retomada da economia”, afirmou.

Na ICF nacional, o índice acumulou a terceira retração mensal consecutiva em junho de 2020 (-14,4%), renovando o recorde de queda mais intensa desde o início da realização da pesquisa, em janeiro de 2010. O indicador chegou a 69,3 pontos, atingindo o menor patamar desde julho de 2016. No comparativo anual, o recuo foi ainda maior: -24,1%. O índice está abaixo do nível de satisfação (100 pontos) desde 2015.

O presidente da CNC, José Roberto Tadros, reitera a influência dos impactos econômicos do novo coronavírus nos resultados da pesquisa. “Essa insatisfação na expectativa de consumir corrobora os novos hábitos de compra dos brasileiros, demonstrados, no momento atual, com as famílias mais cautelosas com a sua renda, tanto no curto prazo quanto em relação ao ano passado”, afirma Tadros. 

Lembrando que a pesquisa referente a junho foi realizada nos últimos dez dias o mês de maio. A pesquisa na íntegra está disponível no site da instituição: www.fecomercioto.com.br.


(Ascom Fecomércio/TO com colaboração da Ascom CNC)

COMPARTILHE:


Confira também:


Covid-19

Tocantins registra 561 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins apresenta 31.663 casos no total, destes, 19.341 pacientes estão recuperados, 11.871 pacientes estão ainda em isolamento domiciliar ou hospitalar e 541 pacientes foram a óbito.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira