Wednesday, 11 de December de 2019

GERAL


Consciência Negra

Lei sobre ensino da história afro-brasileira em discussão

19 Nov 2008

O Ministério da Educação (MEC) vai elaborar um Plano Nacional de Implantação da Lei 10.639/03, que torna obrigatório o ensino de história e cultura afro-brasileiras nas escolas. O principal objetivo é induzir os sistemas de ensino a acelerar o processo por meio de metas e planejamento de projetos. A proposta irá se basear em relatório elaborado por uma comissão formada por entidades da área educacional e do movimento negro que se reuniram em seis encontros regionais.

De acordo com o documento, que foi apresentado na última semana ao ministério e que será levado ao ministro Fernando Haddad na próxima quinta-feira (20) – data em que se comemora o Dia da Consciência Negra – a principal dificuldade para implantar a lei é a falta de institucionalidade e continuidade das ações.

O secretário de Educação, Alfabetização e Diversidade do MEC, André Lázaro, concorda com a crítica, mas defende que a responsabilidade não é apenas da pasta. Para ele, as redes estaduais e municipais precisam investir mais na questão.

“Eu acho justa a crítica de que as ações são pouco sistemáticas e a melhora disso passa pela formação dos professores, o material didático, o financiamento, o monitoramento do processo. Mas a responsabilidade não é só do MEC, mas de todo o sistema de ensino. Claro que o MEC, pelo seu papel, precisa ser protagonista e acredito que temos cumprido isso”, avalia.

Segundo informações do MEC, o plano será lançado ainda este mês. Para ele, o nó da questão está na formação inicial e continuada dos professores, que não se adaptaram às exigências estabelecidas pela lei. “As faculdades de educação e os cursos de pedagogia não incorporaram esse conteúdo na formação inicial dos professores. Você fica correndo atrás o tempo todo para consertar o que não foi feito na formação inicial”, argumenta.

O primeiro curso de pós-graduação para professores sobre a temática será oferecido a partir de 2009 pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). Mais de 100 professores da rede estadual participarão do curso de 200 horas de duração. Um grupo de 20 universidades federais recebeu verbas do MEC para desenvolver cursos de formação e materiais didáticos. O repasse total chega a R$ 3,6 milhões.

Para a presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais em Educação (Undime), Justina Araújo, a falta de capacitação é o principal entrave para aplicação da lei.

“Uma das dificuldades é que não há sequer a formação dos professores. Em Natal, nós montamos um curso de formação para os profissionais da rede, mas faltaram professores para algumas disciplinas. Isso em uma capital, imagine em cidades menores”, pondera. Para ela, o principal papel do MEC no processo de implantação do ensino afro-brasileiro é justamente garantir a formação específica dos professores.

 

 

Escola Cora Coralina realiza projeto


Conhecer, valorizar, difundir e resgatar a cultura afro-brasileira. Buscar ações transformadoras, por meio da arte, cultura e formação, para que se possa iniciar um processo de mudança e participação efetiva dos seus alunos e conseqüentemente da comunidade. Esses, são os principais objetivos da Escola Municipal de Tempo Integral de Jornada Ampliada Cora Coralina ao desenvolver o projeto interdisciplinar “Dia da Consciência Negra - A Boneca Africana".

A execução do projeto acontece desde a última segunda-feira, 17, e vai até o dia 20, data em que se comemora o Dia da Consciência Negra. Durante esses quatro dias de evento, os 900 alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental, juntamente com a comunidade local, terão a oportunidade de participarem de atividades que envolvem várias manifestações culturais relativas à cultura e a história da África, tais como dança afro, excursões virtuais pelo continente africano, teatro, contadores de história, além de uma palestra com Patrícia Oliveira, graduada em História pela Universidade Federal do Tocantins (UFT), e com o poeta e escritor Almecides Pereira de Andrade

 

Programação

19/11 - 9h - Palestra Africanidade no Brasil com Patrícia Oliveira, graduada em História pela Universidade Federal do Tocantins (UFT), com a participação de acadêmicos angolanos, e do poeta e escritor Almecides Pereira de Andrade.

Viagem virtual péla África, vídeos, slides, fotos, destinos de beleza e lazer é a proposta das professoras de Inglês Michelle Morais e Elsafan de Sá, na agência de viagens, apresentada pelos alunos do quinto ano.


20/11 - 14h - Encerramento do projeto com apresentações culturais do grupo de dança da escola, do coral e do teatro com a peça "Abolição da Escravatura".

COMPARTILHE:


Confira também:


Adorno Zero

HGP realiza Campanha do Adorno Zero no ambiente hospitalar

O não uso de adornos pode evitar infecções relacionadas à assistência à saúde, bem como evitar acidentes de trabalho.

Olyntho Neto

Deputado propõe CNH Social Gratuita para cidadão de baixa renda

O Projeto de Lei que propõe a CNH Gratuita, ou seja, a Carteira Nacional de Habilitação Social (CNH Social) sem custo para a população de baixa renda, foi apresentado nesta semana na Assembleia Legislativa.



Intercâmbio Cultural

Vice-governador e Presidente da Ilha Príncipe manifestam Interesse em Programa de Intercâmbio Cultural

Foco do encontro foi desenvolver parcerias entre os dois países; gestores abordaram as oportunidades de cooperação, nomeadamente na área cultural


Palmas

Relatório final da LDO é aprovado em sessão extraordinária

O projeto agora segue para apreciação e votação em plenário, em turno único, cuja inclusão em pauta está atrelado a decisão da presidência da Casa legislativa e a regras regimentais.


CGE

Combate à Corrupção é tema de evento realizado pela Controladoria e parceiros

Evento contou com premiação e participação de alunos da rede estadual de ensino.


IML

Corpo de homem encontrado em Palmas aguarda identificação no IML


Endividamento

Palmenses continuam acima de média nacional quando o assunto é endividamento


CGE

Controladoria imprime perfil mais preventivo e ativador das forças políticas e sociais em 2019


PAGH-Cirúrgico

Governo realiza mais de 50 procedimentos cirúrgicos pelo Opera Tocantins no final de semana


Tom Lyra

Presidente da Adetuc participa de audiência pública sobre o programa Investe+ Turismo


Homenagem

Sessão solene homenageia transferência da capital para Miracema



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira