Tuesday, 17 de September de 2019

GERAL


Sudeste TO

Ministério Público denuncia nove pessoas por armazenamento e descarte irregular de resíduos tóxicos de Hospital de Dianópolis

09 Mar 2019    00:30    alterado em 09/03 às 00:30
Ministério Público denuncia nove pessoas por armazenamento e descarte irregular de resíduos tóxicos de Hospital de Dianópolis

O Ministério Público Estadual, representado pelo Promotor de Justiça Luiz Francisco de Oliveira, ofereceu denúncia criminal contra nove funcionários do Hospital Regional de Dianópolis, pelo armazenamento e descarte incorreto de lixo hospitalar.

De acordo com a denúncia, o lixo hospitalar do Hospital Regional de Dianópolis estava sendo armazenado de forma incorreta, junto com o lixo comum, para facilitar seu descarte. O problema começou após rescisão do contrato com a Sancil, empresa responsável pela coleta externa dos resíduos hospitalares, por parte do Governo Estadual.

Essa situação contribuiu para o acúmulo de lixo hospitalar, já que os tambores responsáveis pelo armazenamento desse tipo de resíduo tinham atingido sua capacidade máxima. Dessa forma, lixo hospitalar e comum passaram a ser armazenados juntos em área no hospital, destinada exclusivamente ao lixo comum, que é acondicionado em sacos de cor preta.

A investigação começou após denúncia recebida pela Polícia sobre o descarte irregular. A Polícia flagrou o caminhão coletor de lixo, contratado pela Prefeitura de Dianópolis para o recolhimento de lixo comum, descartando rejeito hospitalar no lixão da cidade.

O representante do MPE solicitou a condenação dos denunciados com base no artigo 56 da Lei de Crimes Ambientais, que prevê pena de reclusão ou detenção, além de multa, no caso de armazenamento de produto ou substância tóxica, perigosa à saúde humana ou ao meio ambiente, em desacordo com as exigências estabelecidas. Além disso, solicitou ao Instituto Nacional de Identificação (INI) e à Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP) os antecedentes criminais dos denunciados. (Paulo Teodoro)

COMPARTILHE:


Confira também:


Operação Peterrock

PF investiga pessoas responsáveis por disseminação internacional de pornografia infantil

O nome da operação faz alusão ao codinome utilizado pelo responsável pela disseminação do material contendo cenas pornográficas de crianças e adolescentes no Estado do Tocantins.

Economia

Petrobras diz que não há previsão para reajuste de preços

Os ataques aéreos contra a refinaria de Abqaiq resultaram na elevação dos preços internacionais do petróleo.



Economia

Endividamento atinge mais de 68% dos palmenses em agosto

O ranking das principais dívidas continua sendo: cartão de crédito, seguido de financiamento de carro e carnês.


Vestibular

Inscrições abertas para o Vestibular da Unitins

Processo seletivo tem 480 vagas contemplando todos os cursos da Unitins em Palmas, Araguatins, Augustinópolis e Dianópolis. Inscrições são feitas exclusivamente pela internet


Ocorrência

Polícia Civil prende mulher suspeita de estelionato no sudeste do Estado

Mulher estava se passando por conselheira espiritual, mas na verdade aplicava golpes em pessoas do sudeste


Proibição

Adapec apreende carga de 10 toneladas de sementes de capim irregular na TO-050 entre Palmas e Porto Nacional


Tocantins

Adetuc e consultores reúnem-se para definir implantação do Observatório do Turismo do Tocantins


Educação

Com palestras, professor da Rede Municipal de Palmas motiva alunos a enfrentarem obstáculos


Preservação

Praias de Babaçulândia recebem o mutirão de limpeza do projeto Praia Limpa, Praia Viva


Pagamento do FGTS

Caixa estende horário de atendimento amanhã e abre no sábado


Preservação

APA Ilha do Bananal Cantão dedica programação ao Dia Nacional do Cerrado



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira