Tuesday, 18 de June de 2019

GERAL


Tocantins de Luto

Morre dona Raimunda quebradeira aos 78 anos

08 Nov 2018    01:05    alterado em 08/11 às 01:21
Divulgação Morre dona Raimunda quebradeira aos 78 anos

Morre aos 78 anos a líder comunitária Raimunda Gomes da Silva. Dona Raimunda Quebradeira como era conhecida lutava contra diabetes a alguns anos. A quebradeira faleceu em sua casa no povoado Sete Barracas no município de São Miguel do Tocantins. Autoridades do Tocantins enviaram notas de pesar pela partida da líder que tão vem representou o Tocantins no cenário nacional.


Notas de pesar


 Com muito pesar, recebi a notícia da morte de Raimunda Gomes da Silva, carinhosamente conhecida como Dona Raimunda Quebradeira de Coco, na noite desta quarta-feira, 7.

 

O Estado do Tocantins perde uma de suas maiores líderes. Dona Raimunda construiu uma extensa folha de serviços ao nosso Estado e ao Brasil, por desenvolver um importante serviço comunitário e também como trabalhadora rural e ativista de destaque nacional, que por sua atuação recebeu, entre outros, o prêmio Bertha Luz, concedido pelo Senado Federal.

 

Dona Raimunda Foi uma das fundadoras do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (MIQCB), criado em 1991 e atuante nos estados do Pará, Tocantins, Piauí e Maranhão.

 

Nesse momento de luto e de dor, rogo ao nosso amado e eterno Deus que console os corações dos familiares, amigos e de todos os tocantinenses que certamente sentem esse momento de perda.

 

Mauro Carlesse

Governador do Tocantins


O deputado estadual Osires Damaso, manifesta profundo pesar pelo falecimento, nesta quarta-feira, 7, da Dona Raimunda Gomes da Silva, conhecida como "Raimunda Quebradeira de Coco", uma grande líder comunitária em Povoado de São Miguel do Tocantins, região do Bico do Papagaio. 

"Hoje o Tocantins perdeu uma das grandes líderes comunitárias, trabalhadora rural e ativista política. E neste momento doloroso, quero externar meus sentimentos e solidarizar-me com os familiares. Rogo ao Pai para que conforte os corações diante desta perda irreparável". 

Osires Damaso



NOTA DE PESAR PELO FALECIMENTO DE DONA RAIMUNDA QUEBRADEIRA DE COCO

O Brasil e o Tocantins perdem hoje uma das grandes referências brasileiras na luta pelos direitos das mulheres trabalhadoras do campo, a nossa amiga e companheira Raimunda Gomes da Silva, a Dona Raimunda Quebradeira de Coco. Ela que graças ao seu ativismo e liderança, se tornou símbolo em defesa das mulheres quebradeiras de coco, na região do Bico do Papagaio, norte do Tocantins.

Tive a honra de conhecer de perto essa grande mulher de alma bondosa. Uma guerreira leal, que ousou sonhar e lutar, abrindo mão de viver sua vida para trabalhar com determinação em defesa do direito ao homem e à mulher do campo de ter um pedaço de terra para viver com dignidade e respeito.

A vida de Dona Raimunda foi marcada pela persistência em construir uma sociedade mais justa e fraterna. Teve seu trabalho reconhecido pelo mundo, viajou vários países e foi indicada ao Prêmio Nobel da Paz.

Lamentamos a sua partida e só temos a agradecer o apoio que sempre recebemos de Dona Raimunda, do seu esposo Cipriano e toda a sua família.

Seu exemplo e sua força, jamais morrerão. Sua luta torna-se um legado precioso com o qual nos comprometemos honrar e preservar, de modo que seu exemplo de dedicação continue inspirando pessoas. Dona Raimunda ficará em nossos corações.

Neste momento de angústia e dor, deixo meus sinceros sentimentos de pesar aos familiares e amigos de Dona Raimunda, que Deus possa confortar os corações de todos.

 

Paulo Mourão

Deputado Estadual




COMPARTILHE:


Confira também:


Hotelaria

Hotel Ibis é inaugurado e busca incentivar o turismo de lazer na Capital

Para o gerente de desenvolvimento da Accor, Henrique Martins, o objetivo é que o Ibis seja a escolha de diferentes tipos de turismo.

Palmas

CPI do PrevPalmas prossegue com oitivas e Presidente prepara relatório final

O gestor da Capital Matkets, Arthur Farme, afirmou que não teve contato com nenhum representante da gestão anterior do Previpalmas para discutir investimentos do Instituto no fundo Tercon




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira