Sunday, 25 de October de 2020

GERAL


Operação "Alcateia"

Polícia Federal investiga organização criminosa suspeita de fraudar licitações e desviar recursos em município do interior do Tocantins

15 Oct 2020
Divulgação Polícia Federal investiga organização criminosa suspeita de fraudar licitações e desviar recursos em município do interior do Tocantins

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (15) a Operação “Alcateia”, visando desarticular organização criminosa suspeita de fraudar licitações e desviar recursos através de diversos contratos públicos em município da região oeste do Estado.

Aproximadamente 30 Policiais Federais cumprem 6 mandados judiciais de busca e apreensão, todos expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1a Região – TRF1, para cumprimento na cidade de Araguacema/TO.

A investigação teve início após o aporte de informações contendo indícios de que as licitações estariam sendo direcionadas a determinadas empresas que estariam vencendo várias concorrências no município, algumas delas vinculadas a administração municipal e outras supostamente “fantasmas”, algumas delas já investigadas em outras operações policiais.

O grupo criminoso atuaria através do direcionamento de contratos para empresas ligadas aos administradores municipais e da exigência do pagamento de propina das demais, utilizando, inclusive, servidores municipais para executar alguns contratos.

As investigações apontam um prejuízo de aproximadamente R$ 2 milhões de reais aos cofres públicos federais, contudo, como foram identificados fortes indícios de desvios em contratos financiados com recursos de outras fontes, o prejuízo causado é ainda maior.

Os investigados poderão responder, nas medidas de suas responsabilidades, pelos crimes de fraude a licitação, peculato, organização criminosa, corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro.

O nome da operação “Alcateia” faz referência a proximidade do núcleo investigado.

A Polícia Federal ressalta que, em razão da situação de pandemia da COVID-19, foi planejada uma logística especial de prevenção ao contágio, com distribuição de EPIs a todos os envolvidos na missão, a fim de preservar a saúde dos policiais, testemunhas, investigados e seus familiares.

COMPARTILHE:


Confira também:


COVID-19

Tocantins contabiliza 236 novos casos confirmados da Covid-19, sendo 82 das últimas 24h

Dos 236 novos casos 84 foram detectados por RT-PCR, 24 com sorologia e 128 através testes rápidos.

TRE

Cidadania: cartilhas bilíngues chegam aos povos indígenas da Ilha do Bananal

A equipe da Justiça Eleitoral segue com as entregas até esta sexta-feira (23/10) visitando as aldeias Macaúba, São João Fontoura e Santa Izabel


Eleições 2020

Cinthia diz que aumentará investimentos para a juventude com o projeto Qualifica PMW

Para impulsionar a economia pós-pandemia, Cinthia afirmou que irá criar um mecanismo legal para conceder benefício fiscal de Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISSQN) e de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU)


Portaria

Tocantins fixa início da Piracema para o próximo dia 1º de novembro

A Portaria do Naturatins traz as proibições e as exceções, para a prática da pesca no Estado durante o período de defeso


Palmas

Alan Barbiero comemora aniversário de 20 anos da lei que criou a UFT


Ocorrência

Em Palmas, homem suspeito de repassar moeda falsa é detido pela Polícia Civil


Unirg

Governo do Estado integra programação da 6ª Semana de Ciência e Tecnologia de Gurupi


Eleições 2020

Cinthia publica edital de licitação para a Feira da Promessa, em Taquaralto; investimento de R$ 1,7 milhão


Covid-19

Programa de atendimento psicológico e social remoto da Segurança Pública realiza mais de 300 atendimentos


Eleições 2020

Subprefeito de Luzimangues será morador do distrito, garante Otoniel



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira