Sunday, 18 de February de 2018

Sunday, 18 de February de 2018

GERAL


Plano Diretor

Revisão do Plano Diretor propõe projetos voltados para o turismo, logística e ocupação urbana de forma ordenada

22 Nov 2017

Fernanda Mendonça
 
Cinco grandes projetos que tornarão Palmas ainda mais conhecida em todo o mundo pelas boas práticas estão em discussão e integram a minuta do Plano Diretor de Palmas, que aponta quais os desafios para o desenvolvimento do Município para os próximos 10 anos, são eles: o Parque Linear da Orla, o projeto de ocupação da região Sudoeste, construção da Esplanada Municipal na região Sudoeste, construção do Distrito Turístico na região Norte e a construção do Master Plan da região Sul.

Conforme o prefeito Carlos Amastha, nesta quarta-feira, 22, será finalizado o texto que será publicado e apresentado à sociedade. "Essa proposta será levada para debate e discussão com os palmenses para que então seja definido o Projeto de Lei que será levado à discussão e votação na Câmara dos Vereadores", explicou o prefeito a informar que a quarta e última audiência pública de Revisão do Plano Diretor acontecerá no dia 9 de dezembro, a partir das 8 horas, no Auditório do Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins.

Ainda segundo Amastha, a previsão de entrega do Projeto de Lei é para o dia 12 de dezembro. "Importante destacar que o que tiver que ser mudado será mudado e a participação popular é importante nesse processo. Portanto, todos estão convidados a levarem suas idéias nessa última audiência pública", frisou o prefeito.

O secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Regularização Fundiária e Serviços Regionais (Sedurf), Ricardo Ayres, destacou que o Plano Diretor é de suma importância para traçar as ações a serem desenvolvidas em benefício de toda a população, previsto no Estatuto das Cidades para os municípios com mais de 20 mil habitantes, devendo ser revisto a cada 10 anos.
 
Os projetos e mais detalhes dos próximos passos da revisão do Plano Diretor foram apresentados em coletiva a imprensa na tarde desta terça-feira, 21, no Gabinete II do Prefeito, na Avenida LO-09, pelo prefeito Carlos Amastha, o secretário da Sedurf, Ricardo Ayres, pelo presidente do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Impup), Ephim Shluger, o procurador-geral do Município, Públio Borges, o secretário municipal de Finanças, Christian Zini e pelo coordenador técnico do grupo de revisão do Plano Diretor, Iapurê Olsen.
 
Em sua fala, Amastha destacou que todos os projetos são viáveis. "Vamos atrair investimentos para que os olhos do mundo estejam voltados para Palmas", disse o prefeito ao destacar o potencial logístico da cidade. "Com o Master Plan vamos desenvolver toda a região Sul da cidade com grandes investimentos para tornar o aeroporto e todo o entorno referência de distribuição de mercadorias e trânsito de pessoas", salientou.
 
Boas práticas
 
Também durante a coletiva, Amastha compartilhou a experiência e resultados obtidos em sua recente participação na Smart City Expo World Congress, evento que discutiu estratégias para construção de cidades inteligentes, em Barcelona, Espanha e também na feira internacional IAAPA Attractions Expo 2017, realizada em Orlando, nos Estados Unidos. "Palmas é um exemplo de cidade em busca de sua total sustentabilidade, não só com os projetos em execução, como o do uso da energia fotovoltaica, que foi bastante elogiada durante os eventos, bem como do que pretendemos desenvolver em breve", detalhou o prefeito ao chamar a atenção para o fato de que Palmas estão à frente de grandes cidades pelo mundo no que diz respeito ao desenvolvimento aliado às práticas sustentáveis.
 
Outro ponto chave das discussões nesses eventos foi do potencial que a Capital tem como polo turístico, principalmente com a implantação de um distrito voltado para o entretenimento com a construção de grandes parques. "A ideia é implantar o distrito entre a Serra de Lajeado e o Lago de Palmas em uma extensão territorial de 10 milhões de m². Esse pólo contribuirá para o desenvolvimento de toda a região com a instalação de empreendimentos voltados para o turismo", expõe.

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

5

PARABÉNS!
PARABÉNS!

5

BOM
BOM

2

AMEI!
AMEI!

4

KKKK
KKKK

2

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

3

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

3

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Palmas

Prefeitura não cobrará mais taxa de revisão de IPTU

Zini reafirmou que a Prefeitura está à disposição dos contribuintes que observarem eventuais divergências de valores do imposto.

Amastha

Em vídeo, Amastha detalha descontos do IPTU, reforça diálogo e faz apelo a servidores

Prefeito da Capital reforça que gestão está aberta para atender a contribuintes que observarem eventuais distorções no valor venal do imóvel, base de cálculo do imposto


Ciência & Tecnologia

Aspectos centrais sobre TI na Gestão Institucional - Parte 7

Por Daniel Nascimento-e-Silva*


Palmas

Amastha prestigia abertura de empreendimento que investiu meio milhão de reais em Palmas

O empresário Daniel Oliveira, um dos sócios do Wings, afirmou que o planejamento para a instalação do estabelecimento começou há um ano e meio e há oito meses começou a implantação


Tocantins

Projetos sociais desenvolvidos nas unidades prisionais do Tocantins transformam vidas de detentos


Palmas

Prefeita em exercício entrega chave da cidade para presidente do Comadec


Ataídes

Em reunião com trabalhadores rurais, Ataídes concluiu programação no Bico do Papagaio, nessa quinta


Brasil

Deputados do Tocantins são homenageados por vereadores de todo Brasil


Câmara

Líderes de Câmaras Municipais de todo o país são recebidos na Câmara de Palmas


Irrigação

O que é irrigação inteligente?



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira