Sunday, 05 de April de 2020

GERAL


Cuidados

Saúde alerta para transmissão de doenças devido enchentes e alagamentos

06 Feb 2020
Divulgação Saúde alerta para transmissão de doenças devido enchentes e alagamentos

Com o alerta do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), que prevê fortes chuvas e ventos intensos em todo Estado nos próximos dias, a Secretaria de Estado da Saúde (SES/TO), por meio da Gerência de Vigilância em Saúde Ambiental, área técnica de Populações Expostas a riscos e Desastres Naturais (VIGIDESASTRES) alerta a população para os possíveis riscos de enchentes e alagamentos que podem aumentar incidência de transmissão de doenças como a leptospirose, hepatite A, febre tifoide e diarreia.  

Segundo o gerente de Vigilância em Saúde, Murilo Ribeiro Brito, “quem mora ou passa por pontos de enchente ou alagamento causados por chuvas, deve evitar o contato direto com a água suja. Os cuidados devem ser adotados por todos, principalmente por pessoas que moram em áreas com baixo saneamento básico, muitas doenças aumentam a transmissão neste período”, ressaltou.

O gerente destaca ainda que algumas dicas de prevenção, como proteger o pé com calçados, e até mesmo plástico; não ter contato com roedores que são os principais transmissores de doenças; lavar bem os alimentos; observar a água ingerida e evitar acúmulo de entulhos em terrenos baldios reduz os riscos.

De acordo com aviso meteorológico do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), nesse período, a previsão indica que os maiores acumulados de chuva poderão ocorrer em uma faixa que passa pelos estados do Piauí, Maranhão, Tocantins, sudeste do Pará, Goiás, leste e nordeste do Mato Grosso. O Tocantins terá previsão de tempo nublado com pancadas de chuva e trovoadas isoladas.

As regiões do Jalapão, Norte, Sul, Sudeste e Oeste do Estado do Tocantins, encontra-se em risco de ocorrência de chuvas entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, e ventos intensos (40-60 km/h), no período de 03 a 10 de fevereiro.

Como agir em casos de enchentes e alagamentos:

·         Se a água invadir sua casa procure abrigo em lugar seco e seguro;

·         Retire a sujeira deixada pela enchente, usando proteção adequada;

·         Tenha cuidado com os alimentos, sempre filtre e ferva a água antes de beber.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Brasil registra 11.130 casos de covid-19 e 486 mortes

Na região Norte, o Amazonas concentra o maior número de casos, com 417, além de 14 mortes.

Tocantins

Tocantins tem 17 casos confirmados de Covid-19

Palmas concentra o maior número de casos confirmados com 12 pacientes diagnosticados. A cidade de Araguaína tem quatro casos confirmados e Dianópolis uma confirmação do Covid-19.


Palmas

Projeto Sextou na Sacada: inovação e solidariedade em condomínio de Palmas

Bares e casas noturnas fechadas, festas, comemorações e encontros cancelados, shows proibidos, distâncias e recolhimento são inevitáveis. O caos vira ingrediente para traçar planos, reinventar um (re)começo


Norte do TO

Governo do Tocantins apresenta medidas de contenção ao novo coronavírus em Araguaína

Reunião abriu precedentes para outros momentos de debate e parcerias entre município e estado


Meio Ambiente

Naturatins participa de conservação de nascentes em aldeia Xerente


Pandemia

Sedem prorroga prazo de validade de alvarás de localização e funcionamento


Economia

Grande indústria química se instala em Gurupi atraída pelos incentivos fiscais do Governo


Covid-19

Mulher de 31 anos é o décimo caso confirmado de Covid-19 na Capital


Campo

Condições climáticas favorecem a produção de grãos no Tocantins na safra 2019/2020


Pandemia

Palmas tem mais um caso confirmado de coronavírus



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira