Monday, 17 de June de 2019

GERAL


Justiça

Seminário da DPE analisará sentenças condenatórias do Brasil na Corte Interamericana

22 May 2019    15:03

Um espaço para debater direitos humanos a partir da análise de sentenças condenatórias do Brasil na Corte Interamericana. Esse é o objetivo do Seminário Sentenças da Corte Interamericana: análises de condenações do Brasil, que a Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO), por meio do Núcleo Especializado de Defesa dos Direitos Humanos, realizará nos dias 30 e 31 de maio.

Durante dois dias de evento, que acontecerá no auditório da DPE, em Palmas, será traçado um alinhamento conceitual sobre o sistema internacional de proteção aos Direitos Humanos.  O evento é aberto para membros e servidores da DPE e de outros órgãos públicos, Conselhos e Comissões de Direitos, além comunidade acadêmica e externa e movimentos sociais.

Segundo a coordenadora do NDDH, a defensora pública Carina Queiroz de Farias Vieira, é necessário promover a educação em direitos para que todos possam conceber a extensão da proteção já existente. “E é o que temos feito aqui na Defensoria, através do Núcleo, promovendo e incentivando a constante e efetiva participação da sociedade civil na divulgação e no aperfeiçoamento das questões relativas aos direitos humanos. Informando, conscientizando e motivando a população, inclusive valendo-se dos diferentes meios de comunicação, a respeito de seus direitos e garantias fundamentais”, ressaltou

Seminário

O evento inicia no dia 30, quinta-feira, às 19 horas, com a abertura solene seguida de aula magna sobre o Sistema Internacional de Proteção aos Direitos Humanos. No dia seguinte, sexta-feira, 31, a partir das 8 horas, terá início o ciclo de palestras para análise das sentenças condenatórias do Brasil na Corte Interamericana.

Assim, considerando as principais demandas do NDDH, foi feito um recorte regional e temático, sendo selecionadas para estudo duas sentenças relacionadas a casos ocorridos no Estado do Tocantins e Pará, bem como, casos relacionados à violência institucional e policial.

Sentenças

Na ocasião serão avaliadas as seguintes sentenças:

- Favela Nova Brasília x Brasil: será tratada a questão da impunidade em casos de violência policial, chamando a atenção de pontos como desmilitarização da Polícia Militar; utilização de instrumentos de menor potencial ofensivo (armas não letal). O palestrante será Pedro de Paula Lopes Almeida, defensor público federal de Recife.

- Trabalhadores da Fazenda Brasil x Brasil, que trata da 1ª condenação por trabalho escravo. A Fazenda está localizada no Pará, às margens do rio Tocantins. A palestra ficará por conta do defensor público do Tocantins, Pedro Alexandre Conceição Aires Gonçalves.

- Gomes Lund x Brasil (Guerrilha do Araguaia): caso em que muitas violações de Direitos Humanos abordadas aconteceram em solo tocantinense. A Comissão da Verdade realizou diversas diligências pela região norte. A coordenadora do NDDH, Carina Queiroz de Vieira Farias será a palestrante.

- Herzog e outros x Brasil: caso em que a Corte reconhece que Brasil cometeu crime contra a humanidade em razão de maus tratos das dependências do exército. O palestrante Davi Quintanilha Failde de Azevedo da Defensoria Pública de São Paulo abordará pontos como a falta de investigação, de julgamento e de punição aos responsáveis.

Programação

 

Dia 30 de maio

19 horas: Abertura solene

19h30: Aula Magna: Sistema Internacional de Proteção dos Direitos Humanos

 

Dia 31 de maio

8 horas: Caso Favela Nova Brasília x Brasil

10 horas: Caso Trabalhadores da Fazenda Brasil Verde x Brasil

14 horas: Caso Gomes Lund x Brasil (Guerrilha do Araguaia)

16 horas: Caso Herzog x Brasil

18 horas: Encerramento

(Ascom). 

COMPARTILHE:


Confira também:


Agro

Cerrado do Tocantins produz uvas mais doces que outras regiões do Sul do país

No clima do cerrado é possível realizar até duas safras ao ano de parreira

Saúde

Hospital e Maternidade Dona Regina celebra 20 anos

Unidade é a única referência em alta complexidade para atender partos em toda a macrorregião de saúde centro sul do Tocantins



Temporada

8 dicas do Corpo de Bombeiros para curtir a temporada de praias com segurança

Orientações servem para reduzir os riscos de acidentes durante a alta temporada


Campo

Recebimento itinerante de embalagens vazias de agrotóxicos chega a mais quatro municípios do Tocantins

As centrais de recebimento em parceria com a Adapec estão com um cronograma de ação que, além desses quatro municípios, abrangerão mais 10 em diferentes regiões do Estado.


Tocantins

Pais fazem campanha de doação de sangue para ajudar outras famílias após morte do filho

Além da campanha de doação de sangue, os pais vão arrecadar alimentos e roupas durante 66 dias, tempo em que Felipe ficou vivo após nascer prematuro.


Six Sigma

Manifesto Híbrido de Metodologias de Gestão é definido no Brasil


Violência

Homem é preso pela Polícia Civil após tentar matar o ex-cunhado em Taguatinga


Brasil

Grupo Boticário e Unilever se unem por diversidade e equidade de gênero


Turismo

Palmas conta com uma variedade de Palmas urbanas


Economia

Receita paga hoje as restituições do 1º lote do Imposto de Renda


416 Vagas

Unitins lança edital de transferência externa com 416 vagas



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira