Monday, 24 de June de 2019

GERAL


Educação

Unitins contará com emenda de R$ 50 milhões para reestruturar-se

26 Nov 2009

O fortalecimento e a reestruturação da Unitins - Fundação Universidade do Tocantins foram os principais temas abordados, durante reunião ocorrida na tarde desta segunda-feira, 23, no auditório da Universidade, em Palmas. A reunião foi presidida pelo reitor Osmar Nina Garcia Neto e contou ainda com a participação da deputada federal e vice-presidente da CEC - Comissão de Educação e Cultura da Câmara Federal, Nilmar Ruiz (PR). Na ocasião, Nilmar confirmou a indicação de R$ 50 milhões em emenda de sua autoria na bancada federal do Tocantins para reestruturar a Unitins.
 
Todos os servidores da instituição foram convocados para a reunião. Segundo o reitor, os apoios da bancada federal e do Governo do Estado têm sido fundamentais para viabilizar a reestruturação da Universidade. “Nós já temos um histórico de serviços prestados ao Estado. Entendemos que a decisão de manter a Unitins é extremamente importante para o desenvolvimento do Tocantins. Tanto o governador Carlos Gaguim, quanto a deputada Nilmar, estão empenhados em nos ajudar a viabilizar essa reestruturação”, pontuou o reitor.
 
Osmar Nina ressaltou ainda, que a reestruturação é uma prioridade para 2010, no sentido de trabalhar por um novo modelo de Universidade. “A Unitins como uma universidade com cursos de graduação presenciais e cursos de graduação à distância, via UAB - Universidade Aberta do Brasil”, explicou, ao enfatizar que os diálogos recentes com o MEC garantem que, a partir do momento em que a Unitins fizer parte do projeto da UAB, o credenciamento da instituição será recuperado. “Estamos trabalhando para que a Unitins seja uma universidade pública e de qualidade, ofertando os cursos que, de fato, sejam de interesse para o desenvolvimento sócio-econômico do Estado do Tocantins”, disse.


 
Apoio

A deputada federal Nilmar Ruiz (PR) afirmou que em reunião recente com o ministro da Educação, Fernando Haddad, pediu apoio no processo de reformulação da Unitins. “O que eu pude notar no Ministério (MEC) é essa vontade de apoiar o Tocantins, para que possamos fazer esse trabalho de reestruturação, de reconstrução da nossa universidade”, afirmou Nilmar.
 
Quanto à emenda de R$ 50 milhões para o Orçamento geral da União do ano que vem, a deputada disse que a expectativa é que nos primeiros meses do ano, o recurso já esteja empenhado. “A Unitins é nosso patrimônio e esses R$ 50 milhões vêm para reestruturar e fortalecer a Universidade”, concluiu. 
 
A deputada federal também defendeu na reunião, o projeto para a Unitins pública e autônoma, além de ressaltar a importância do ensino na modalidade à distância. “Sabemos que para os que moram na Capital, o acesso à universidade é muito mais fácil. Mas, para quem está em municípios mais distantes, a educação a distância democratiza o ensino superior”, concluiu.


 
Servidores

Após os pronunciamentos, os servidores também puderam expor seus questionamentos e dúvidas sobre o momento pelo qual a Unitins passa. Representantes do movimento Pró-Unitins se manifestaram e destacaram o diálogo aberto com os dirigentes da instituição, além de defender a autonomia universitária e o fortalecimento da Universidade.
Os professores do movimento Pró-Unitins reconheceram ainda a iniciativa da deputada Nilmar Ruiz, em relação à luta histórica pela manutenção da instituição e o seu interesse em contribuir efetivamente pela sua reestruturação. (Ascom Unitins)

COMPARTILHE:


Confira também:


Opinião

Cenário político de Palmas: “aparentar ser ” e o “fazer de fato”

É fato que a campanha eleitoral de 2020 já começou. As pedras já estão se posicionando no tablado. Até o momento, de oficial mesmo, somente a candidatura à reeleição da prefeita Cinthia


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira