Sunday, 25 de October de 2020

GERAL


Vamos trocar copo descartável por canecas duráveis

26 Mar 2009

Venho, por meio do presente, SUGERIR ao Governo do Estado do Tocantins, prefeituras, demais órgãos e entidades públicas que seja feito um estudo sobre a quantidade de copos descartáveis que são usados diariamente nas repartições públicas, quanto se gasta mensalmente comprando esses copos e qual o direcionamento desse lixo, que pode ser totalmente reciclado.

A utilização dos copos descartáveis deveria ser restrita ao público que freqüenta as repartições. Observo que muitos servidores não têm a mínima dó de arrancar dois ou três copos de uma vez para beber um gole de água e depois jogá-los no lixo. Tenho certeza de que cada copinho daquele vale alguma coisa, são centavos que são utilizados em segundos, e depois jogados fora. Essa problemática do desperdício já foi bem discutida com relação ao uso de papéis nas repartições, e, hoje, grande parte dos órgãos faz doação para entidades que vendem, reaproveitam ou reciclam os mesmos.

A médio e longo prazo, a despesa com canecas duráveis é muito menor do que o que é gasto com a aquisição contínua de copos descartáveis. Tomemos por exemplo o campus Universitário de Ribeirão Preto-SP, que, após a adoção das canecas duráveis, teve uma economia anual de mais de 100 mil reais, deixando de consumir em torno de 1 milhão de copos descartáveis, que seriam jogados no lixo ou até mesmo reciclados.

Devemos, ainda, levar em consideração a análise do ciclo de vida de materiais plásticos descartáveis, em comparação com similares duráveis. É importante lembrar que se gasta muito mais água e outros insumos para produzir e descartar embalagens plásticas (por exemplo, copos) do que água e sabão que se gasta para lavar sua própria caneca.    

Sugiro também que tal iniciativa parta de cada órgão, para adotar o uso de uma caneca para cada servidor, preocupando-se, é claro, com a parte de higienização dessas no decorrer do dia. Tal medida serviria de exemplo para sociedade e principalmente para as gerações futuras.

Gostaria que os meios de comunicação em geral, Câmaras de Vereadores e Assembléia Legislativa do estado pudessem tomar conhecimento dessa ideia no intuito de promover aqui, nesse novíssimo e moderno estado, um projeto também inovador, no que se refere à viabilidade econômico-ambiental dentro das repartições públicas.      

COMPARTILHE:


Confira também:


COVID-19

Tocantins contabiliza 236 novos casos confirmados da Covid-19, sendo 82 das últimas 24h

Dos 236 novos casos 84 foram detectados por RT-PCR, 24 com sorologia e 128 através testes rápidos.

TRE

Cidadania: cartilhas bilíngues chegam aos povos indígenas da Ilha do Bananal

A equipe da Justiça Eleitoral segue com as entregas até esta sexta-feira (23/10) visitando as aldeias Macaúba, São João Fontoura e Santa Izabel


Eleições 2020

Cinthia diz que aumentará investimentos para a juventude com o projeto Qualifica PMW

Para impulsionar a economia pós-pandemia, Cinthia afirmou que irá criar um mecanismo legal para conceder benefício fiscal de Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISSQN) e de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU)


Portaria

Tocantins fixa início da Piracema para o próximo dia 1º de novembro

A Portaria do Naturatins traz as proibições e as exceções, para a prática da pesca no Estado durante o período de defeso


Palmas

Alan Barbiero comemora aniversário de 20 anos da lei que criou a UFT


Ocorrência

Em Palmas, homem suspeito de repassar moeda falsa é detido pela Polícia Civil


Unirg

Governo do Estado integra programação da 6ª Semana de Ciência e Tecnologia de Gurupi


Eleições 2020

Cinthia publica edital de licitação para a Feira da Promessa, em Taquaralto; investimento de R$ 1,7 milhão


Covid-19

Programa de atendimento psicológico e social remoto da Segurança Pública realiza mais de 300 atendimentos


Eleições 2020

Subprefeito de Luzimangues será morador do distrito, garante Otoniel



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira