Friday, 26 de April de 2019

JUSTIÇA


Segurança

Em 28 dias três mulheres foram presas por tentar entrar com drogas na Cadeia de Colinas

10 Feb 2019    17:00
Em 28 dias três mulheres foram presas por tentar entrar com drogas na Cadeia de Colinas

Uma mulher identificada pelas iniciais I. B. N., de 51 anos, foi flagrada na tarde desta sexta-feira, 08, tentando entrar na Cadeia Pública de Colinas do Tocantins com drogas introduzidas em suas partes íntimas. Os agentes que estavam de plantão deram voz de prisão à mulher que estava na cadeia para visitar o seu filho, Lucas Noleto Lobo, de 25 anos, condenado por tráfico de drogas. Esse é o terceiro caso em 28 dias de visitante tentando entrar com drogas no ambiente de carceragem na Cadeia de Colinas.

Os agentes da unidade receberam a informação de que a mãe de Lobo estava levando ilícitos para ele, quando questionaram a visitante sobre a informação, ela ficou nervosa e não quis passar pela revista pessoal, elevando o grau das suspeitas. Diante disso, os agentes a conduziram ao hospital da cidade onde foi realizado um exame de raio-X que confirmou a presença de ilícito.

Após a confirmação, os agentes deram voz de prisão à mulher pelo crime de tráfico e a conduziram à Central de Atendimento da Polícia Civil do município. Também foi instaurado Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) em desfavor do filho da visitante, para apuração mais detalhada do fato.

“Prevenir a entrada de entorpecentes na unidade é um trabalho que fazemos cotidianamente e como não fazemos revista vexatória, essa ação é um pouco mais complexa e depende da inteligência e da dedicação dos servidores para conseguir realizar flagrantes como esse. Por isso parabenizo a minha equipe pelo trabalho”, disse o diretor da cadeia, Silvestre Boaventura, diretor da cadeia.

Histórico
Em 11 de janeiro, M. S. O. M., 35 anos, foi flagrada tentando entrar na Cadeia Pública de Colinas do Tocantins no seu corpo. No dia 1º de fevereiro L. A. C., 25 anos, também foi presa após ser comprovado que ela estava como ilícitos introduzidos em suas partes íntimas. Ambas foram responderão pelo crime de tráfico de drogas e poderão pegar de 5 a 15 anos de prisão em regime fechado.

COMPARTILHE:


Confira também:


Polícia Civil

PC deflagra Operação "Barulho" no sul do Estado, prende criminosos e apreende armas, drogas e munições

Na operação foram apreendidas quatro armas de fogo, 32 munições de calibres variados, espoletas de ignição armamentista, porção de cocaína e crack

Economia

Governo sanciona lei que busca enquadramento fiscal e retomada de investimentos no Tocantins

Publicação da medida, que faz parte das ações anunciadas pelo Governo, em fevereiro deste ano, ocorre nesta quinta-feira, 25



Água Potável

A pedido da DPE-TO e MPE, Justiça determina fornecimento de água potável para comunidade de Dianópolis

Crise de abastecimento de água no município é recorrente desde o ano de 2017


Segurança nas Escolas

Segurança pública em escolas públicas da capital é discutida em sessão

O trágico caso ocorrido em 13 de março de 2019, na Escola Estadual Professor Raul Brasil cidade de Suzano – SP, foi lembrado pelos parlamentares como um grande exemplo de insegurança que resulta em mortes de crianças e adolescentes inocentes.


Serviço

Obras de melhorias da Energisa seguem em 32 municípios do Estado

Desligamentos são pontuais e não atingem a cidade toda


Tocantins

Pesca amadora e esportiva necessita licença no Tocantins


Naturatins visita aldeia Ktẽpo para diálogo sobre proteção ambiental com lideranças indígenas Xerente


Pesquisa

Lançada primeira Revista Científica do Ceulp/Ulbra


Saúde

Depressão, não deixe o tempo passar


Promoção

Carlesse promove policiais militares e bombeiros e afirma que as duas corporações são as melhores do país


Turismo

Potencial turístico das Serras Gerais é tema de evento em Palmas



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira