Saturday, 28 de March de 2020

JUSTIÇA


CNJ

Escritório Virtual integrará processos em todo o País

02 Dec 2014

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) lançaram esta terça-feira (02/12) o projeto Escritório Virtual do Processo Eletrônico. Quando finalizado, o software desenvolvido pelo CNJ deverá integrar os sistemas processuais dos tribunais brasileiros e permitir ao usuário externo uma porta única de acesso ao Judiciário.

O protocolo conjunto foi assinado pelo presidente do CNJ, ministro Ricardo Lewandowski, e pelo presidente da OAB, Marcus Vinícius Coêlho, durante a realização da 200ª Sessão Ordinária do Conselho. "O ideal, que nós queremos atingir, é a unificação de todos os sistemas, pois nós não achamos correto nem eficiente que cada tribunal tenha o seu próprio sistema", assinalou Lewandowski.

A primeira parte do projeto deve ser concluída em março de 2015. "O primeiro passo, evidentemente, é que esses sistemas se comuniquem entre si e, mais do que isso, que os recursos aos tribunais superiores possam ser feitos sem maiores problemas. Então são passos em direção à meta da unificação", acrescentou o presidente do CNJ.

Além da importância da participação da advocacia no processo de implantação do Escritório Virtual, Coêlho destacou a agilidade que o software trará para a comunidade jurídica. "O diálogo entre os sistemas facilitará a vida dos advogados, dos membros do Ministério Público, da Procuradoria e da Defensoria Pública", pontuou o presidente da OAB.

A ideia é que o usuário possa acompanhar processos de seu interesse de forma unificada, sem precisar entrar no sistema do Processo Judicial Eletrônico (PJe) ou nos outros sistemas de controle processual dos diversos tribunais. As informações de todos os processos estarão reunidas em um único endereço na internet, facilitando a busca e o acompanhamento por advogados, procuradores, defensores públicos, membros do Ministério Público e pela população em geral.

Ferramentas – O Escritório Virtual terá fácil operação e acessibilidade. Em um primeiro momento, o usuário poderá fazer consultas em todos os tribunais que já operam o PJe. Posteriormente, o projeto será aprimorado para incluir todos os tribunais participantes do Modelo Nacional de Interoperabilidade (MNI), previsto na Resolução Conjunta nº 3/2013.

O sistema deverá permitir localização de processos de interesse, a apresentação de qualquer manifestação processual, bem como a entrega de petição inicial.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Palmas não confirma novos casos nesta sexta-feira, 27

Dados são do Boletim Epidemiológico, publicado diariamente pelo Centro de Operações de Emergência em Saúde

Efeitos da Covid-19

Prefeitura adia prazo de impostos e taxas para minimizar efeitos da Covid-19 na economia local

O secretário de Finanças, Rogério Ramos, explicou que a prioridade neste momento é o de investir todos os esforços no enfrentamento à Covid-19 e salvar vidas, mas ao mesmo tempo encontrar alternativas viáveis e seguras para que a roda da economia local con


Pandemia

Encarcerados da CPP de Palmas iniciam o treinamento para confecção de máscaras artesanais para prevenção do coronavírus

As máscaras fabricadas pelas pessoas privadas de liberdade da CPP de Palmas serão distribuídas entre os servidores e população carcerária das unidades prisionais do Tocantins


Quarentena

Comércio reabre dia 30 em Paraíso com restrições sanitárias e de aglomeração

O decreto vigorará enquanto durar a situação de emergência, nos termos do decreto 536/2020, revogando-se as disposições em contrário.


Notícias Falsas

Governo do Tocantins alerta para propagação de notícias falsas durante a pandemia do novo Coronavírus


COVID-19

DPE-TO envia Recomendação ao Estado solicitando fiscalização do serviço de transporte intermunicipal


Kits de Alimentação

Carlesse inicia entrega de kits de alimentos a estudantes da rede estadual


Quarentena

Sefin publica portaria regulando atendimento remoto em diversas áreas


Salários

Prefeitura de Palmas antecipa salário de março dos servidores


Alerta

Consumidor que tiver água ou energia cortada, deve denunciar ao Procon Tocantins



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira