Wednesday, 20 de March de 2019

JUSTIÇA


Tragédia

Ludimila não resiste aos ferimentos de acidente com bote salva-vidas dos Bombeiros

04 Dec 2018    10:22    alterado em 04/12 às 10:22
Reprodução/Facebook Ludimila não resiste aos ferimentos de acidente com bote salva-vidas dos Bombeiros

Morreu na manhã desta terça-feira (4), por volta das 6h15, a triatleta Ludimila Barbosa, de 40 anos, atingida pela hélice de um bote salva-vidas dos Bombeiros, durante uma competição. A vítima estava internada desde o último domingo (2), na UTI do Hospital Geral de Palmas em estado grave. Por causa do acidente, precisou amputar o pé esquerdo.

A morte foi confirmada pela Secretaria Estadual da Saúde, a qual em nota informou que mesmo com todos os recursos disponíveis a paciente não resistiu. O corpo foi levado para o IML de Palmas, já que a vítima sofreu um acidente e por isso o IML precisa fazer exame necroscópio para definir as causas.

O acidente aconteceu no lago de Palmas durante a 6ª etapa do circuito estadual de Maratona Aquática do Tocantins. Ludimila participava de competições desde o fim de 2017 e era professora no Centro Municipal de Educação Infantil João e Maria, da Prefeitura de Palmas. Uma faixa de luto foi colocada na porta da unidade escolar.

Nesta segunda-feira (3), cerca de 40 bombeiros se mobilizaram para fazer doação de sangue. Segundo a corporação, um ônibus percorreu os batalhões da capital para transportar os militares voluntários até os hemocentros da capital.

A Marinha do Brasil instaurou um inquérito para investigar o acidente. O comandante da Marinha em Palmas, Capitão Alberto Ramos, disse que ainda é cedo para falar sobre a investigação. "O inquérito que foi instaurado hoje pela Capitania Fluvial do Araguaia Tocantins irá detalhar estas circunstâncias com o propósito de apurar as causas e responsabilidades", disse ele.- Do G1 Tocantins.

COMPARTILHE:


Confira também:


Imbróglio

PGR pede informações sobre dinheiro depositado em conta da Lava Jato

Em nota à imprensa, após a decisão do ministro, a força-tarefa da Lava Jato disse que pediu a suspensão do fundo antes mesmo do pedido feito por Raquel Dodge ao STF.

Ocorrência

Polícia Civil prende dois suspeitos de tráfico de drogas no interior do Estado

Os policiais civis também cumpriram mandado de busca e apreensão na residência de M.T.C, sendo que, no local, foram encontrados uma balança de precisão e um aparelho celular.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira