Saturday, 16 de February de 2019

JUSTIÇA


Monitoramento

MPE obtém decisão que determina a normalização do sistema de monitoramento de presos por meio de tornozeleiras eletrônicas

02 Nov 2018    11:56
Divulgação MPE obtém decisão que determina a normalização do sistema de monitoramento de presos por meio de tornozeleiras eletrônicas

Foi proferida na madrugada desta sexta-feira, 02 de novembro, decisão liminar que atende aos pedidos do Ministério Público do Estado do Tocantins (MPE) e determina que o Estado do Tocantins promova a normalização do sistema de monitoramento eletrônico de presos por meio das chamadas tornozeleiras eletrônicas. O Poder Executivo Estadual deve cumprir imediatamente a sentença, com pedido de urgência, sob risco de multa diária no valor de R$ 5 mil.


A Ação Civil Pública que resultou na decisão judicial foi ajuizada pela 4ª Promotoria de Justiça da Capital, que também é responsável pelo monitoramento de cerca de 190 detentos que cumprem pena em prisão domiciliar em Palmas.


O controle é realizado por meio do Sistema de Acompanhamento de Custódia 24 Horas (SAC/24), que fiscaliza se os beneficiários da medida cumprem as condições da prisão domiciliar, no que se refere à permanência nos limites residenciais e à manutenção da tornozeleira plenamente operante.


De acordo com o Promotor de Justiça Alzemiro Wilson Peres Freitas, autor da Ação, o SAC/24 é acessado remotamente, ou seja, pode ser controlado por qualquer computador conectado à internet. Porém, desde o dia 31 de outubro de 2018, o sistema passou a redirecionar o usuário para uma nova página que informa que o serviço de fiscalização foi interrompido, em razão de suposto inadimplemento financeiro por parte do Estado do Tocantins.


A interrupção do acesso ao sistema de monitoramento tem abrangência estadual, uma vez que o controle engloba apenados nos municípios de Porto Nacional, Paraíso, Araguaína e Dianópolis.


Diante do fato, não restou alternativa ao Ministério Público Estadual senão o ajuizamento de Ação Civil Pública com o objetivo de garantir o monitoramento de condenados que cumprem penas em prisão domiciliar. “É importante destacar que faltam tornozeleiras eletrônicas em número suficiente à elevada população prisional. O excedente, embora também cumpra pena em prisão domiciliar, não é monitorado remotamente, por não dispor de tornozeleira, se obrigando apenas a comparecer quinzenalmente em Juízo”, comentou o Promotor de Justiça.


Entenda

O monitoramento eletrônico de presos na capital é uma alternativa à interdição da Unidade de Regime Semiaberto Masculina de Palmas/TO (URSA), que foi alvo de incêndio ocorrido no mês de agosto de 2016. (João Lino Cavalcante)


COMPARTILHE:


Confira também:


Norte do TO

Senadora Kátia Abreu reúne prefeitos e secretário estadual de Saúde no Bico do Papagaio

A senadora Kátia Abreu está confiante que o Governo, junto aos prefeitos irão melhorar a saúde na região do Bico e disse que o governador Mauro Carlesse deu total apoio a reunião.

Diálogo

Secretários apresentam plano de reestruturação à instituições dos diferentes poderes do Estado

“O que queremos é que todas as instituições compreendam que a situação em que nos encontramos requer ações imediatas, de modo que possamos ter um estado sustentável a médio e longo prazo”, frisou Edson Cabral.


Itelvino Pisoni

Sistema Fecomércio Tocantins realiza visita a Prefeita Cinthia Ribeiro

A Prefeita Cinthia Ribeiro recebeu com alegria esta possibilidade de parcerias e disse que irá analisar e estudar a construção de uma agenda positiva.


Tocantins

Dispara número de casos prováveis de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti

Até o momento, cinco municípios (Araguaína, Gurupi, Monte do Carmo, Paraíso e Porto Nacional) confirmaram casos de Zika no Estado


HGP

Defensoria emite recomendação para Sesau por desassistência na oferta de cirurgias cardiológicas em Palmas


Adapec

Produtor rural pode emitir Guia de Trânsito Animal de qualquer localidade


Segurança

Identificação facial e papiloscópica da Polícia Civil é destaque em operações de combate à criminalidade no Tocantins


Brasília

Damaso fala da responsabilidade do cargo assumido e pede ao Governo apoio para os municípios


UPF

Foragida é presa em flagrante após tentar entrar com celular-relógio na UPF de Palmas


Norte do Estado

Polícia Civil deflagra operação “Walking Dead” e prende contadores suspeitos de praticar vários crimes



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira