Tuesday, 27 de October de 2020

JUSTIÇA


MPE

MPE recomenda mudanças na prestação do serviço de estacionamento rotativo na capital

15 Oct 2015

O Ministério Público Estadual (MPE) expediu, na quarta-feira, 14, recomendação ao município de Palmas e à empresa Infosolo Informática orientando que seja promovida uma série mudanças na prestação do serviço de estacionamento rotativo na cidade. Visando garantir a efetiva aplicação das normas de proteção aos direitos dos consumidores, é recomendado que sejam realizados estudos para a redução de tarifas, que se estabeleça gratuidade para quem estacionar por até 15 minutos e que os agentes da empresa se abstenham de aplicar a Tarifa de Pós-Utilização (TPU), entre outras mudanças. 

Sobre a redução no valor da tarifa para veículos de passeios e motocicletas, a Promotora de Justiça Kátia Chaves Gallieta, que assina a recomendação, evoca o princípio legal da modicidade, o qual condiciona que as taxas cobradas pela prestação de serviços públicos devem ter o menor valor possível. Nesse sentido, a representante do MPE alega que o serviço de estacionamento rotativo é uma atividade de baixo custo para a empresa operadora, o que torna desproporcionais os valores cobrados atualmente em Palmas.   

A respeito da gratuidade para o estacionamento de curta duração (até 15 minutos), a Promotoria de Justiça alega que esta facilidade para o usuário está prevista no Projeto Básico de Seleção, promovido pelo município e que teve a Infosolo Informática como vencedora. Também justifica que tal gratuidade atende aos princípios constitucionais da proporcionalidade e da razoabilidade.

Sobre a cobrança da Tarifa de Pós-Utilização (TPU), a 23ª Promotoria de Justiça da Capital informa que sua aplicação pelos agentes de uma empresa privada é ilegal, uma vez tal atividade configura "poder de polícia", que só pode ser exercido por agentes públicos. Nesse sentido, o MPE informa que apenas os agentes de trânsito podem fiscalizar as normas de trânsito e lavrar autos de notificação.

Outros tópicos

A recomendação também orienta que sejam instalados pontos de venda fixos de créditos destinados ao uso de vagas de estacionamento rotativo, servindo como alternativas de forma de pagamento para o usuário. 

Ainda, deve ser implementada a possibilidade de fracionar o tempo pago e não utilizado, deixando-o como crédito para uso posterior; assim como deve ser emitido cupom fiscal ao usuário no ato de cada pagamento pelo serviço prestado. 

Também é recomendado que se conclua a instalação de câmeras de 360º nas áreas de estacionamento e mantida rigorosa vigilância sobre os veículos deixados sob a guarda do município. 

Entre outros itens, a recomendação ainda orienta que sejam disponibilizadas vagas especiais de estacionamento para as gestantes e mães com criança de colo e que seja criado um documento específico de autorização para o estacionamento de veículos a serviço de órgãos públicos, haja vista que estes e os veículos oficiais devem ser isentos de pagar pelo estacionamento, conforme prevê a Lei nº 1.861/12.

COMPARTILHE:


Confira também:


Covid-19

Tocantins registra 47 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins contabiliza 229.676 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 74.229 casos confirmados. Destes, 61.832 pacientes estão recuperados, 11.313 pacientes seguem em isolamento domiciliar ou hospitalar e 1.084 pacientes foram a óbito.



Eleições 2020

Na Acipa, Prefeita Cinthia fala sobre justiça fiscal e a importância do diálogo entre poder público e entidades representativas

Cinthia afirma que a modernização fiscal é uma meta a ser perseguida no curto prazo, e que está em fase de contratação, junto ao BNDES, de recurso do Plano de Modernização da Administração Tributária, o PMAT.


Eleições 2020

Em Palmas, deputada Luana Ribeiro declara apoio à candidatura de Vanda Monteiro

Fico muito feliz em contar com seu apoio aqui na capital, pois soma conosco uma deputada muito atuante, além de determinada”, destacou.


Eleições 2020

Justiça Eleitoral manda Amastha remover fake news contra Cinthia

A decisão liminar ainda fixa multa de R$ 5 mil ao Amastha caso não cumpra a decisão judicial, que determina a imediata suspensão da propaganda eleitoral irregular.


Aureny III

Andrino assumiu o compromisso de revitalizar o asfalto das ruas e avenidas do local


Mulheres 77

Eli Borges diz que, se eleito, irá criar a Secretaria da Mulher


Região Sul

Se eleita, Cinthia garante que vai construir a tão sonhada rodoviária de Taquaralto


Arte

Instituto Isca beneficia mais de 300 pessoas com projeto de ação social em Araguaína


Oportunidade

Concurso para estudantes do ensino médio oferece premiação em dinheiro e viagem aos EUA


Palmas

Radares fixos da Avenida Teotônio Segurado são verificados pela Agência Estadual de Metrologia



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira