Sunday, 16 de December de 2018

JUSTIÇA


Interior

Polícia Civil conclui inquérito e indicia autor de homicídio em Porto Nacional

12 Oct 2018    00:05    alterado em 12/10 às 00:05
Polícia Civil conclui inquérito e indicia autor de homicídio em Porto Nacional

A Polícia Civil do Estado do Tocantins, por intermédio da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), de Porto Nacional, concluiu e remeteu à Justiça, o inquérito policial que apurou a morte de Martiliano Avelino Dias, conhecido como Martim da Garapa.
 
Conforme o delegado Diogo Fonseca, as investigações apontaram José Carlos Evangelista de Souza como o autor dos disparos da arma de fogo que ceifaram a vida de Martiliano. O motivo teria sido uma discussão entre Martiliano e Cansanção (líder do movimento), por causa da invasão de uma parcela de terra da vítima.
 
Os fatos ocorreram no dia 29 de abril de 2018 em um assentamento do Movimento dos Sem Terra - MST localizado no Município de Porto Nacional. Imediatamente após o crime, José Carlos e os demais integrantes do MST deixaram o local, tomando rumo desconhecido.
 
As autoridades policiais responsáveis pelo caso informam, ainda, que José Carlos e Cansanção são investigados por outros crimes contra a vida em um assentamento na cidade de Ipueiras. A prisão preventiva de José Carlos foi decretada, entretanto o indiciado não foi localizado.
 
Qualquer informação a respeito do paradeiro de José Carlos pode ser repassada pelos telefones (63) 3363-7218 / (63) 3363-1664. A identidade do informante será inteiramente preservada.

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

17

PARABÉNS!
PARABÉNS!

20

BOM
BOM

23

AMEI!
AMEI!

20

KKKK
KKKK

21

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

14

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

12

CREDO!
CREDO!

Leia por assunto:

Segurança Polícia Civil Tocantins

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Novo Governo

Bolsonaro diz que pena de morte não será debatida em seu governo

autores de crimes hediondos”. “Em destaque no jornal O Globo de hoje informou que, em meu governo, o assunto pena de morte será motivo de debate.

Investigado

João de Deus sacou R$ 35 milhões de contas e aplicações, confirma MP

Na sexta-feira (14), o Tribunal de Justiça de Goiás acatou o pedido do Ministério Público de Goiás (MP-GO) e determinou a prisão do médium goiano.


Trabalho

Sindicalizados aprovam orçamento de R$ 2,5 milhões para o SISEPE-TO

Pinheiro frisou que o SISEPE-TO ampliará a divulgação das suas ações, o diálogo com os servidores público e logo conquistará mais sindicalizados.


Tocantins

Em menos de 24 horas, Polícia Civil prende suspeitos de explosão de caixa eletrônico no interior

Entre os indivíduos presos em flagrante está Cristiano Batista da Silva e Jamerson Gama Ribeiro, que são investigados por um roubo cometido na cidade de Novo Acordo


Tocantins

Ministério Público denuncia 19 pessoas por participação em fraude no concurso da PM


Tocantins

MPE e UFT celebram protocolo de intenções para elaboração de estudos técnicos em atuações de interesse social


Pró-Moradia

Vice-governador Wanderlei Barbosa inaugura Condomínio Maria Olívia Carlesse em Palmas


Segurança

Secretário entrega armamentos e anuncia chegada de scanners corporais em casa penais


Serviços Bancários

Sistema de Defesa do Consumidor oficia Banco Central sobre falha na prestação dos serviços bancários no Tocantins


Imbróglio

TCE impede retorno do estacionamento rotativo em Palmas



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira