Tuesday, 18 de February de 2020

JUSTIÇA


Norte do TO

Polícia Civil de Araguaína prende cinco pessoas suspeitas de cometer vários crimes durante festividades natalinas

31 Dec 2019
Dennis Tavares  Polícia Civil de Araguaína prende cinco pessoas suspeitas de cometer vários crimes durante festividades natalinas Grupo cometeu diversos crimes nos últimos dias de 2019 em Araguaína.

A Polícia Civil do Tocantins, por meio da Delegacia de Repressão a Roubos – DRR de Araguaína e demais divisões especializadas como 2ª Divisão de Repressão a Narcóticos – DNARC, Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa – DHPP e Divisão Especializada na Repressão ao Crime Organizado – DEIC prendeu na noite desta segunda-feira, 30 em Araguaína, Norte do Estado, cinco pessoas suspeitas de cometerem vários crimes na cidade entre os dia 25 a 30 deste mês na região, durante as festividades de fim de ano.

 

 

De acordo com a Polícia Civil, foram presos quatro homens com iniciais de T. G.G. de 20 anos; J. R. M., 22; V. O. da S., 25; G. F. C. S; 22 e uma mulher de iniciais I. M. G, de 22 anos. De acordo com o delegado Bruno Boaventura, os cinco são suspeitos de cometerem furtos na região, além do roubo de uma motocicleta Honda Biz utilizando um simulacro de arma de fogo na noite desta segunda-feira, 30. A vítima conseguiu reconhecer o autor e o veículo já foi restabelecido ao proprietário. “Eles estavam todos alojados em uma residência no setor Simba aqui na cidade. Na residência nós localizamos também demais objetos”, afirmou.

 

 

Ainda de acordo com o delegado, na residência foram localizados 08 dispositivos eletrônicos; jóias, R$ 500 em espécie, US$ 5,00 em espécie, além de uma motocicleta Honda/BIZ. “Todos os cinco vão responder por associação criminosa e receptação, sendo que um deles, de iniciais T. G. G. vai responder também por roubo, uma vez que foi identificado pela vítima que teve a motocicleta roubada”, afirmou.

 

Após os procedimentos cabíveis, os quatro homens serão encaminhados para a Casa de Prisão Provisória de Araguaína – CPPA e a mulher para a unidade prisional feminina de Babaçulândia, no Norte do Estado.

COMPARTILHE:


Confira também:


Operação Escroque

Polícia Federal desarticula braço de organização criminosa especializada em fraudes no Seguro Desemprego

O nome da operação faz referência àqueles que se apoderam de bens alheios, por meios ardilosos e fraudulentos.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira